Lotação em Aplicativo de paquera Gay tem contrariado usuário

Notícias
27 de fevereiro de 2019
por Genilson Coutinho


O Carnaval ainda não chegou, mais o Grindr, aplicativo de paquera Gay, já dá sinais de overbook e sinaliza a presença crescente de gays na cidade.
A reclamação chegou a um dos nossos canais, onde os usuários da capital baiana estão tendo dificuldades para administrar as paqueras, e a má qualidade dos serviços.
Se nesta terça o serviço já está com super carga, imagine na quinta-feira Gay, dia de maior concentração de gays no circuito Barra Ondina.