Já é Carnaval cidade: Daniela Mercury faz grito de Carnaval em Salvador

Música, No Circuito
9 de janeiro de 2018
por Genilson Coutinho

Multidão lotou o largo (Foto: Genilson Coutinho

Por Genilson Coutinho *

As noites de segunda-feira, no Pelourinho, já estão movimentadas, com a batida inconfundível do Cortejo Afro, nos seus tradicionais ensaios de verão, amados pela comunidade LGBT de Salvador e do Brasil, que já escolheu o ensaio como o ponto de encontro da turma.

Mas quando junta Cortejo Afro e Daniela Mercury, o Pelourinho fica pequeno, no vai e vem e euforia dos fãs, ávidos para ver os agitos da Rainha do Axé. E na última segunda-feira (8), não foi diferente. A multidão que se formou na frente da praça estava em busca de ingressos que, no início da semana, custavam R$40, mas que já estava valendo mais de R$120 nas mãos dos cambistas, que deitaram e rolaram, deixando muita gente de fora do grito de Carnaval em clima de Banzeiro.

Alegria por todos lados (Foto: Genilson Coutinho)

E foi o que aconteceu na última segunda (8), quando uma multidão se acumulou na frente da praça em busca de ingressos que no início estavam sendo vendidos a R$40, mas em meio à grande demanda, chegaram a custar R$120 na mão de cambistas.
Já era por volta das 23h quando Daniela Subiu ao palco para delírio da multidão que sabia que naquele momento o verbo era se esbaldar em alegria e muita música – coisas das quais ela entende muito bem. Ao som do hit “Banzeiro” e diversos sucessos antigos, Daniela transformou o pelourinho em um verdadeiro circuito do Carnaval de Salvador.

Já era por volta das 23h quando Daniela subiu ao palco, para o delírio da multidão, que sabia que a partir daquele momento era pra se esbaldar de alegria, com muita música e agito, e disso a cantora entende muito bem. Daniela transformou o Pelourinho em um circuito da folia, com seus grandes hits, e fazendo a famosa abertura do mar vermelho, na Praça Pedro Archanjo, ao som da canção Banzeiro, que já caiu no gosto da galera.

Do Canto da Cidade à atualíssima Samba Presidente, Daniela não deixou ninguém parado com sua energia, e ainda deixou um alerta ao público sobre a atual situação política do Brasil, e disparou:

“Vamos votar certo, essa é a hora da mudança. Chega de ladrão na política. Não importa pra quem você vai votar, mas nunca vote nulo, exerça o seu direito de mudar a história do nosso pais. Quero Samba para Presidente”, alertou a cantora.

Sempre tenta às questões de direitos humanos e cidadania, Daniela Mercury reafirma seu compromisso com a arte e o ativismo em seus manifestos muiscais por onde passa.

Daniela e Cia Baiana de Patifaria (Foto: Genilson Coutinho)

Mas a noite era de carnaval, comandado pela rainha e seus súditos, no Centro Histórico de Salvador, ao som do Cortejo Afro e suas vozes maravilhosas, que, juntos com Daniela, fizeram uma prévia do que será o carnaval da cantora no circuito da folia baiana.

E Daniela não deixa ninguém parado, ela levou para o palco os atores da Cia Baiana de Patifaraia para comandar o Banho de Cheiro ao som de Banzeiro, música de trabalho da artista, que segue na disputa de música do Carnaval.

Foto: Genilson Coutinho

Veja mais videos:

Genilson Coutinho é editor chefe do Dois Terços .