Filme “Tim Maia” lança trailer; assista

Cinema, No Circuito
15 de setembro de 2014
por Genilson Coutinho

TimMaiaCreditoPapricaFotografia27_00336 red

O trailer do longa “Tim Maia”, de Mauro Lima (Meu nome não é Johnny), foi lançado hoje e está disponível para download neste  link. O filme também já tem página oficial no Facebbok . Com Babu Santana, Alinne Moraes, Cauã Reymond e Robson Nunes no elenco principal, o longa estreia dia 30 de outubro nas principais cidades do país.

“Tim Maia” narra toda a trajetória do ícone da música brasileira, incluindo a adolescência no bairro da Tijuca, nos anos 50, o período de formação nos Estados Unidos e a chegada ao sucesso, em 1970, com o álbum que inclui “Azul da Cor do Mar”, um de seus primeiros hits.. O longa é uma produção da RT Features, de Rodrigo Teixeira (Cheiro do RaloFrances Ha,Alemão), coproduzido pela Globo Filmes, com distribuição da Downtown Filmes e Paris Filmes.

“O filme mostra histórias menos conhecidas da vida do Tim, como, ainda adolescente, ter começado a carreira num grupo ao lado do Roberto Carlos… Que o Erasmo andava com eles também, todos na Tijuca. O começo deles na TV Tupi. Que ele viajou pros EUA com 12 dólares, sem conhecer ninguém e sem falar inglês. Que ele foi preso nos EUA e no Brasil. A fase que cantava em boate e morava em pensão em São Paulo. Enfim, confusões que arrumou com Deus e todo mundo”, conta o diretor Mauro Lima que também assina o roteiro com Antonia Pellegrino.

Babu Santana interpreta Tim Maia na fase adulta e Robson Nunes na juventude. Mauro Lima explica porque optou por dois atores no papel principal: “Na época de testes, me lembro de ter olhado fotos de arquivo e ver que o Tim era três caras diferentes, bem distintos mesmo. Teve uma fase bem jovem, novinho, sorridente e quase fofo; Depois do primeiro disco, em 1970, surge um outro cara completamente diferente, já black power, com um tipão de bad boy, e um toque  de ‘Panteras Negras’. E, por fim, a partir dos anos 80, aquele Tim que a gente já lembra, mais inchado, com cabelo mullet, reclamando do som no palco, etc… A caracterização ficou muito boa da segunda pra  terceira fase do Tim, então resolvemos ficar com o Robson e o Babu”.

SINOPSE

“Mais grave, mais agudo, mais eco, mais retorno, mais tudo!” O grito de guerra de Tim Maia ainda ecoa nas festas de todas as gerações, idades e classes sociais, onde sua música é sinônimo de alegria e romance. Transgressor, amoroso e debochado, Tim se consagrou como um dos artistas mais queridos e respeitados da música brasileira. Desde a adolescência, quando desembarcou em Nova York sem falar uma palavra em inglês, Tim Maia sempre fez o que queria, com quem e quando queria, e pagou um preço alto por sua liberdade. Mas, depois de sua passagem, a música brasileira nunca mais foi a mesma.

FICHA TÉCNICA

Diretor            – Mauro Lima

Produtor – Rodrigo Teixeira

Produtores executivos – Raphael Mesquita / Rômulo Marinho Jr

Diretor de fotografia – Dudu Miranda / Junior Malta

Diretor de arte – Claudio Amaral Peixoto

Figurinista – Reka Koves

Produtor Musical – Berna Ceppas

Coprodução – Globo Filmes

 ELENCO

Babu Santana – Tim Maia (adulto)

Robson Nunes – Tim Maia (jovem)

Alinne Moraes – Janaína

Cauã Reymond – Fábio

Laila Zaid – Suzi

Valdinéia Soriano – Dona Maria

Paulo Carvalho – Seu Altivo

Bryan Ruffo – Valcir Ribeiro

Luis Lobianco – Carlos Imperial

George Sauma – Roberto Carlos

Tito Naville – Erasmo Carlos

Renata Guida – Rita Lee

MAURO LIMA – DIRETOR

 Mauro Lima é o diretor e co-roteirista de “Meu Nome Não é Johnny”, estrelado por Selton Mello. O longa foi assistido por mais de 2 milhões de pessoas, se tornando o filme brasileiro de maior bilheteria em 2008. Diretor experiente e premiado de videoclipes, Mauro Lima tem como uma de suas principais características a mistura de linguagens. Como roteirista, diretor e produtor, assinou trabalhos no teatro, na TV e no cinema. Em 1997, roteirizou o longa “Loura Incendiária”. Em 2000, roteirizou e dirigiu “Deus Jr.”. Com o infantil “Tainá 2 – A Aventura Continua” (2004), ganhou o grande público. Na TV, dirigiu e roteirizou alguns episódios da série “Ó Paí, Ó”, da Rede Globo. No cinema, Mauro Lima também foi um dos produtores de “Lisbela e o Prisioneiro” (2003), de Guel Arraes. Assina também como co-produtor de “O Bem Amado” (2010). Em 2012 lançou o filme de longa-metragem “Reis e Ratos”, com Rodrigo Santoro e Cauã Reymond.

RT FEATURES – PRODUTORA

 A RT Features iniciou suas atividades em 2005 desenvolvendo projetos tanto a partir de ideias originais quanto pela aquisição de direitos autorais. É responsável por filmes como “Alemão”, de José Eduardo Belmonte e “Frances Ha”, dirigido por Noah Baumbach – título que marcou o inicio das atividades da produtora no mercado internacional.

A produtora RT é responsável por títulos como “Quando Eu Era Vivo”, de Marco Dutra, “O Abismo Prateado”, dirigido por Karim Ainoüz, “Heleno”, de José Henrique Fonseca, “O Cheiro do Ralo”, de Heitor Dhalia e “O Casamento de Romeu e Julieta” dirigido por Bruno Barreto

Em 2014, além da estreia de “Tim Maia”, a RT prepara o lançamento da suas próximas co-produções internacionais, os filmes “Night Moves”, dirigido por Kelly Reichardt, e “Love is Strange”, dirigido por Ira Sachs. Trabalha ainda na pós-produção dos longas “The Witch” (dir. Robert Eggers) e o próximo filme de Noah Baumbach, ainda sem título.

Os trabalhos para a televisão em 2014 incluem séries para a HBO e o GNT, em diferentes estágios de produção.

Em desenvolvimento, no cenário nacional a RT prepara os filmes “O Mistério do 5 Estrelas”, “Padre Cícero”, “Barba Ensopada de Sangue”, “Alemão 2”, “Lobão”, “Memórias do Cárcere”, dentre outros.

Dentre os projetos internacionais em desenvolvimento estão “To the Stars” (dir.James Gray), “The Games of 1940” (co-prod. Kennedy Marshall), “The Thousand Autumns of Jacob de Zoet” e “Your Face Tomorrow” (Plan B Entertainment), além da série “Blood on the Tracks” baseada no álbum de Bob Dylan.