Coletivo das Liliths promove a realização da Trilogia da Nova Gênese em Salvador

No Circuito, Teatro
16 de dezembro de 2015
por Genilson Coutinho

Após circular por cidades do interior da Bahia realizando apresentações do espetáculo ‘Lady Lilith’, o Coletivo Das Liliths fechará o ano de 2015 com uma programação pra lá de especial. Neste próximo final de semana, sexta, sábado e domingo, serão apresentadas os três espetáculos que juntos compõem a Trilogia da Nova Gênese.

Trata-se de uma obra multilinguagem composta pelos espetáculos ‘Lady Lilith’ (2013), ‘Adão’ (2014) e ‘Eva’ (2015). Este trabalho busca resgatar a narrativa da gênese cristã através da realização de pesquisas baseadas na polissemia existente nos três mitos que compõem essa trama, resignificando a história oficialmente difundida de Adão, Eva e a esquecida, Lilith.

Levando em consideração a importância da gênese cristã para o estabelecimento de normas de condutas sociais e religiosas, que por vezes, impõem limites de gênero excludentes, a Trilogia da Nova Gênese desconstrói esta narrativa abordando os mitos sem o machismo presente na história de Adão e a criminalização presente nos mitos de Lilith e Eva.

Todos convidados para esta celebração da vida!

SERVIÇO:

TRILOGIA DA NOVA GÊNESE – Com o Coletivo das Liliths

Dia 18/12 (Sexta) – Lady Lilith

 

Dia 19/12 (Sábado) – Adão

Dia 20/12 (Domingo) – Eva

Onde: R1 – Residência Universitária da UFBA – Corredor da Vitória

Horário: 22 horas

Valor: Entrada Franca

Classificação: 16 anos

Sobre os espetáculos:

LADY LILITH – 18 de Dezembro de 2015 – 22 horas

Lilith, a primeira mulher de Adão, é também a primeira a se rebelar contra a posição de submissão designada a ela. Sua trajetória serve como mola propulsora para o desenvolvimento do espetáculo, que através das cenas faz críticas e denuncia a submissão da mulher perante ao machismo e hierarquização dos gêneros. Em cena, quatro atores se apropriam desta narrativa para trazer à tona através de seus corpos, discussões que permeiam a comunidade LGBTT, tais como a afirmação das identidades de gênero, o respeito às diferenças, combate a violência contra as minorias e o respeito às diversas formas de expressões da sexualidade.

Dividido em quatro atos, os atores encenam: O Nascimento de Lilith – A Primeira Relação Sexual com Adão – A Fuga do Jardim do Éden para o Mar Vermelho – A  Decisão de Ficar no Mar Vermelho.

ADÃO – 19 de Dezembro de 2015 – 22 horas

O espetáculo ADÃO toma como ponto de partida a gênese cristã sobre da criação do mundo e aborda os momentos de solidão de Adão antes do surgimento de Eva. Os intérpretes se apropriam do mito para abordar temáticas como solidão, evolução tecnológica, androgenia e a relação dos homens com as máquinas. Adão tem uma abordagem contemporânea e coloca em evidência as relações entre o corpo e tecnologia, levando o público para um lugar onírico e subjetivo.

EVA – 20 de Dezembro de 2015 – 22 horas

O espetáculo EVA é uma abordagem contemporânea do mito de Eva, a primeira mulher de Adão e coloca em evidência as relações entre o corpo, o desejo e a liberdade. Em cena, quatro atores se apropriam do mito para abordar temáticas como: emancipação feminina, repressão sexual, educação machista e patriarcal, liberdade de expressão e diversidade sexual. Dentro de um universo metafórico, os atores vivenciam a história levando o público para um lugar onírico e subjetivo para discutir e resignificar o que é ser mulher no século XXI.