Bailarino é achado morto a facadas dentro de casa no Barbalho

Comportamento, Social
15 de março de 2015
por Genilson Coutinho

(Foto: Reprodução/Facebook)

Um bailarino do Balé Folclórido da Bahia foi encontrado morto dentro de casa na manhã deste domingo (15) no bairro do Barbalho. Segundo informações da Central de Polícia, Ronaldo Pepê Santos, 40 anos, foi morto com golpes de faca no abdômen e pescoço – ele quase foi degolado pela violência do ataque.

O crime aconteceu na rua do alvo, onde o bailarino morava em uma pensão. O local estava com muito sangue e com sinais de luta quando uma viatura da Polícia Militar foi até o local. A polícia estima que ele tenha sido morto no final da madrugada de hoje.

De acordo com informações do vizinhos, Pepê chegou acompanhado à pensão por um homem branco, de camisa e bermuda pretas, com cabelo cortado baixo dos lados, mas com uma franja.

Por volta das 3h30 da manhã, os vizinhos do bailarino ouviram um ruído alto vindo do quarto, segundo as testemunhas relataram ao Grupo Gay da Bahia (GGB). Um homem foi visto deixando a casa de Pepê às 4h15 carregando um notebook e com os pés sujos de sangue, o que chamou atenção e levou a população a alertar a PM.

A polícia chegou por volta das 8h e arrombaram a porta do quarto do bailarino, com a companhia do dono da pensão. Havia sangue pelo quarto todo e o corpo de Pepê estava caído no chão.

Marcelo Cerqueira, presidente do GGB, lamenta a morte. “Eu lamento porque a arte, a dança, o balé perdeu uma pessoa… Coloco meu sentimento com o Balé (Folclórico). Minha dor é a mesma dos bailarinos. Acredito que geral na região já sabe quem foi que matou, a gente já tem o perfil. É questão de horas para pegar esse vagabundo, que tirou a vida de um príncipe em um segundo”, afirmou ao Correio24horas.

A morte é investigada pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

O  sepultado  será realizado na tarde desta segunda-feira (16), às 14h, no Cemitério do Campo Santo, no bairro da Federação, em Salvador.

*As informações são do site Correio 24 horas.