Teatro

Especial do Samba Junino com Pokett Nery

Redação,
21/01/2021 | 20h01
Foto: Divulgação

A rainha do Samba Junino Pokett Nery será a anfitriã do Especial do Samba Junino: ”Pokett Nery convida suas estrelas”, programa que vai ao ar no próximo dia 29 de janeiro, às 19 horas, no Canal Conexão FGM, Youtube da Fundação Gregório de Matos. O show gravado contará com as dançarinas Tininha e Jujuba, e Augusto Conceição e banda no Espaço Cultural Casa do Maestro. O evento resultará em conteúdo que fará parte de um documentário que transversaliza o Samba Junino e o universo LGBT, realizado a partir da biografia de Pokett Nery.
Moradora do Alto das Pombas, em Salvador, Pokett Nery é referência na cidade, enaltecida como mestra do samba duro, ritmo principal do Samba Junino, manifestação da cultura popular que em 2018 foi reconhecida como Patrimônio Cultural Imaterial de Salvador, pela FGM. No Especial, a rainha Pokett Nery é a Mestre de Cerimonia e atração principal, ao lado dos músicos e das dançarinas, Jujuba, uma mulher trans e Tininha, uma mulher cis.
O show, que será gravado no Espaço Cultural Casa do Maestro, contará com tradução em libras das falas dos participantes e das músicas. Durante o Especial, a equipe de produção do documentário “Pokett Nery – Rainha do Samba Junino” estará registrando cenas que vão fazer parte do filme que será lançado em março 2021.
No palco, a música fica a cargo do Maestro Augusto Conceição e com seus músicos cantam, dançam, tocam e puxam o coro, apresentam o repertório de samba duro, com músicas autorais e clássicos do Samba Junino, entremeado por falas sobre a importância cultural deste movimento.
O Samba Junino é uma expressão cultural genuinamente de Salvador. O samba duro é o ritmo que anima os festejos juninos em vários bairros da capital, a exemplo do Engenho Velho de Brotas, Engenho Velho da Federação, Federação, Fazenda Garcia, Tororó, Nordeste de Amaralina, tradição soteropolitana há mais de 40 anos.

Pocket Nery, rainha do samba junino, participa de live no Dois Terços nesta sexta-feira (22)
O evento acontece no Dia Nacional da Visibilidade Trans no Brasil. Nesta data, em 2004, pela primeira vez no Brasil, travestis e transexuais estiveram no Congresso Nacional para falar aos parlamentares brasileiros sobre a realidade desse segmento.
O projeto tem produção da Obá Cacauê, direção de Rick Caldas, roteiro de Fabíola Aquino e Moisés.A.Neuma. Projeto contemplado pelo Prêmio Jaime Sodré de Patrimônio Cultural, da Fundação Gregório de Mattos, Prefeitura de Salvador, por meio da Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc, com recursos oriundos da Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo, Governo Federal.

Serviço:
O que: Exibição do Especial do Samba Junino: ”Pokett Nery convida suas estrelas” Quando: dia 29 de janeiro de 2021; às 19 h, dia da Visibilidade Trans
Onde: Canal Conexão FGM – Youtube GRATUITO