Voluntários revitalizarão Caasah em Salvador

Sem categoria
3 de outubro de 2012
por Genilson Coutinho


A CAASAH – Casa de Apoio e Assistência ao Portador do Vírus HIV/AIDS foi a instituição escolhida em Salvador para ser beneficiada pelo Dia dos Voluntários Telefônica, ação que acontecerá 24 países neste 5 de outubro. A iniciativa envolverá 100 colaboradores de empresas do Grupo na cidade, como a Telefônica|Vivo e a Atento.

Os voluntários dedicarão o dia de trabalho a atividades como montagem de uma brinquedoteca, pintura e uma reformulação geral nos quartos das crianças e jovens moradores da instituição. Também serão realizadas palestra e oficina sobre reciclagem. Outro destaque da ação será a promoção de um workshop de telemarketing, visando à capacitação da equipe que trabalha com a captação de doações para instituição.

É o segundo ano consecutivo em que o Dia dos Voluntários Telefônica é realizado em Salvador. Ano passado, a organização beneficiada foi o Lar da Criança.

Ação global

O Dia dos Voluntários Telefônica será realizado simultaneamente em 24 países onde a empresa atua, na América Latina e Europa, e envolverá aproximadamente 12 mil colaboradores. No Brasil, a ação será promovida em 21 cidades, beneficiando 31 organizações. Os municípios selecionados são: Belém, Belo Horizonte/Contagem, Brasília, Campinas, Campo Grande, Cuiabá, Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Goiânia, Manaus, Palmas, Porto Alegre, Prado, Ribeirão Preto, Rio de Janeiro, Salvador, Santos, São Luís, São Paulo e Vitória. No total, mais de quatro mil colaboradores participarão das atividades.

Trata-se da principal iniciativa do programa de voluntariado do Grupo Telefônica, que é desenvolvido há sete anos no Brasil e cujo objetivo é estimular e permitir que os colaboradores se envolvam e realizem ações sociais.

Realizado pela Fundação Telefônica Vivo em conjunto com as áreas de Recursos Humanos e Comunicação, neste ano o programa teve seu modelo de governança alterado para permitir a expansão geográfica demandada após a integração da Telefônica com a Vivo. O resultado foi conferir maior autonomia aos comitês criados regionalmente para o desenvolvimento de planos de ações locais. Outra novidade é o uso intensivo de tecnologias que caracterizam o novo voluntariado digital e que podem potencializar ações cidadãs para a sociedade.