V Mostra Possíveis sexualidades traz diretores de cinema LGBT a Salvador a partir do dia 17 de outubro

Sem categoria
13 de outubro de 2012
por Genilson Coutinho


De 17 a 21 de outubro, acontece em Salvador a V Mostra Possíveis Sexualidades, que traz filmes de ficção e documentários com temática LGBT. As obras serão apresentadas em três centros culturais de Salvador: Instituto Cervantes, Caixa Cultural e SALADEARTE Cinema do Museu. Durante o evento, estarão presentes René Guerra, diretor de “Quem tem medo de Cris Negão?”; Kiko Goifman, diretor de “Olhe para mim de novo”; e Fernanda Friedrich, diretora de “Família no Papel”.
O curta-metragem “Quem tem medo de Cris Negão” abre a Mostra na noite da quarta-feira (17 de outubro), na Caixa Cultural (Av. Carlos Gomes, 57, Dois de Julho). O filme conta a história de Cristiane Jordan, conhecida como Cris Negão, uma travesti e cafetina do centro de São Paulo. O filme propõe um mergulho no universo da marginalidade a partir dessa personagem do centro paulistano. Após a exibição, o público é convidado a participar de um bate-papo com o diretor René Guerra.

O documentário “Família no papel” será exibido na sexta-feira (18) e contará com a presença da diretora Fernanda Friedrich no Conjunto Caixa Cultural, às 17h. O filme expõe as adversidades enfrentadas por casais homoafetivos e seus filhos nas batalhas pelo reconhecimento legal dessas famílias.

“Olhe para mim de novo” traz Silvyio Luccio, um homem transexual em pleno sertão nordestino, que apresenta sua perspectiva masculina de viver a vida. Nesse documentário, afloram questões de seu passado, a relação com familiares próximos e o desejo pela cirurgia de transgenitalização. O filme será exibido no domingo (21), às 20h, no Conjunto Caixa Cultural, com a presença do diretor Kiko Goifman.

A Mostra, cuja primeira edição aconteceu em 2008 e que já tem público cativo, também contemplará mesas-redondas, teatro, debate, oficina e mostra competitiva, movimentando a cena cultural da cidade durante a segunda quinzena de outubro. A curadoria do evento é assinada pelo professor e doutor em Comunicação e Cultura Contemporâneas pela Universidade Federal da Bahia, Rodrigo Barreto, que divide com a produtora cultural Fernanda Bezerra a idealização do projeto. A V Mostra contou com a colaboração de Alberto Tuá, gestor cultural do Instituto Cervantes.


Após as exibições, o after party acontecerá no Visca Sabor & Arte, que fica rua Guedes Cabral, 123, no Rio Vermelho, de sexta a domingo, 19 a 21 de outubro, a partir de 21h.

Acompanhe também o Dois Terços pelo Twitter
Curta a página do Dois Terços no Facebook