Travesti é espancada até a morte em Luís Eduardo Magalhães

Notícias
25 de julho de 2016
por Genilson Coutinho

Uma travesti foi encontrada morta em um lote abandonado, no domingo (24), em Luís Eduardo Magalhães, oeste da Bahia. A vítima tinha sinais de agressão na cabeça. A polícia ainda investiga as circunstâncias da morte, mas há a suspeita de rixa como motivação do crime. O enterro foi realizado na manhã desta segunda-feira (25), em Barreiras, cidade vizinha.

Segundo a polícia, um morador encontrou o corpo da vítima em um lote baldio entre as Ruas José de Alencar e Janete Cler, no bairro Florais Léa, por volta das 12h de domingo. O corpo foi levado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Barreiras e liberado no mesmo dia.

De acordo com familiares, a vítima morava em Barreiras e viajava para Luís Eduardo Magalhães toda semana a trabalho. Ela tinha sofrido agressão e ameaça no ano passado, ainda segundo a família.