Transformista de Salvador disputam título de melhor dublagem 2018

Notícias
6 de junho de 2018
por Genilson Coutinho

Foto: Genilson Coutinho

A arte transformista é um universo rico em criatividade, glamour e muito gasto para manter do figurino ao cabelo, e manter em evidência o universo que encanta os fãs das estrelas. Mas, além deste atributos, um dos mais importantes atributos na arte transformista é a dublagem, pois de nada adianta tanto luxo e ter na sua frente uma artista “mascando chiclete” e dizendo que “está dublando”.
É churria na certa.
E esse assunto é tão levado à sério, que o Clube 11 criou o concurso Microfone de Ouro, que anualmente elege a melhor dubladora do ano. O concurso, comando por Valérie desde 2017, chega à grande final nesta quinta-feira (7), às 20h.
Após quase três semanas de batalhas, as divas Ferah Sunshine, Ita Morais e Glenda Jackson disputam um dos títulos mais cobiçados pela comunidade. Em 2017, Petra Perón, A Miss Bahia Gay, conquistou o título, entrando para o time das melhores da arte da dublagem em Salvador.