‘Transfobia’ é tema de nova campanha do Dois Terços

Notícias
12 de maio de 2016
por Genilson Coutinho

Peça da campanha /Foto: Genilson Coutinho

De olho na aproximação do Dia Mundial de Combate à Homofobia, comemorado no dia 17 de maio, o site Dois Terços vai lançar nova campanha de conscientização em prol da causa LGBT. Com o mote “Transfobia: Não há espaço para o silêncio. Denuncie!”, a ação reafirma o compromisso editorial do veículo com a cidadania de gays, lésbicas, bissexuais, travestis, transexuais e transgêneros que, apesar dos ganhos de visibilidade nos últimos anos, ainda são vítimas de preconceitos e violências inaceitáveis.

O objetivo da campanha este ano é chamar atenção para o número crescente de violências contra travestis e transexuais na Bahia. A “transfobia” no estado tem contribuído para colocar o Brasil no topo do ranking de países onde mais se mata a população trans, conforme relatório de pesquisa da ONG Transgender Europe (TGEU). A rede europeia de organizações que apoiam os direitos da população transgênero apresentou dados coletados de janeiro de 2008 a março de 2014, em que foram registradas 604 mortes no Brasil.

Em Salvador, esses tristes dados são comprovados conforme relatório do Grupo Gay da Bahia (GGB), que registrou mais de 130 mortes de travestis e transexuais somente em 2015. Apesar de já serem alarmantes, tudo indica que estes números sejam ainda maiores, visto que muitos casos não são registrados e não chegam à imprensa. Na capital baiana, os casos mais recentes da violência contra a comunidade trans ocorreram no Bairro de Pernambués, contra Bruna Menezes e Arieane Sena, agredidas pelos vizinhos que até então seguem impunes.

“A luta dessa população por respeito e direitos básicos, como à vida, é diária e busca encontrar mecanismos para que a violência não fique impune. E essa luta tem repercutido em algumas conquistas importantes, como aconteceu recentemente quando mulheres trans reivindicaram e conquistaram o amparo da Lei Maria da Penha. Esse foi certamente um passo importante na direção da igualdade de condições e direitos”, afirma Genilson Coutinho, editor-chefe do Dois Terços.

Além da nova campanha que será estrelada por Tanucha Taylon, mulher trans, cabeleireira e artista transformista, estão previstas ações ao longo do ano que levem a discussão para a sociedade e ajudem a combater esses crimes, através de debates e da criação de um canal para recebimento de denúncias. “A campanha é mais um instrumento de sensibilização e denúncia da violência que mata e molesta nas mais diversas camadas sociais, onde muitos casos são silenciados pela falta de punição dos agressores”, destaca Coutinho. Um teaser da campanha já está no ar no site desde o início de abril, com a frase “Tive medo de me olhar no espelho, mas tive coragem de denunciar”. O lançamento está previsto para 16 de maio.

Campanha pelo Dia Mundial de Combate a Homofobia

“Transfobia: Não há espaço para o silêncio. Denuncie”

Ficha Técnica:

Modelo: Tanucha Taylon

Maquiagem: Dino Neto

Criação: Equipe Dois Terços

Design: Milena Coelho

(Foto: Genilson Coutinho)