“Todo Mundo Tem problemas Sexuais”

Sem categoria
29 de agosto de 2011
por Genilson Coutinho

Engraçadíssima, inteligente, baseada em fatos reais, a peça Todo Mundo Tem Problemas Sexuais, foi um dos grandes sucessos das temporadas carioca, paulista e soteropolitana dos últimos anos.

O dramaturgo Domingos Oliveira e o psicanalista Alberto Goldin escreveram essa comédia que trata do íntimo comportamento sexual humano a partir de cartas anônimas recebidas pelo terapeuta para sua coluna publicada no jornal carioca O Globo. Seis destas cartas dão título aos esquetes que compõem o espetáculo: “Sedução”, “Fidelidade”, “Impotência”, “Perversão”, “Desejo” e “Preferências Sexuais”

Cida Oliveira, Eduardo Albuquerque, Kadu Veiga, Mariana Moreno e Monica Bittencourt dividem a cena. Elenco afinado que garante à platéia diversão da melhor qualidade. Depois de ser apresentada em diversos palcos cariocas e paulistas, a peça chegou a Salvador em 2005, obtendo enorme sucesso. Agora, com nova produção, volta ao cartaz no Teatro Jorge Amado dia 09 de setembro,  cumprindo temporada às sextas e sábados 22h e domingos 21h.

O ESPETÁCULO

Alberto Goldin é um dos mais conhecidos nomes da atual psicanálise brasileira . Além de exercer uma intensa clínica e ter escrito pelo menos um best-seller (“Freud Explica”), Goldin escreve semanalmente uma coluna para o jornal carioca “O Globo”.

Em sua coluna ele recebe cartas, em geral anônimas, sobre problemas sexuais e tenta respondê-las do modo mais útil possível ao remetente. Este material (as cartas) demonstrou possuir um grande valor dramático e artístico.

Baseados neste material, friccionando e retirando sua essência, Goldin e Domingos de Oliveira, chegaram a seis episódios que, em seu conjunto, formam uma visão curiosamente profunda do comportamento sexual do homem de hoje, do homem brasileiro deste início de século.

Para unir estes episódios (e poder comentá-los), os autores inventaram um casal de amantes perfeitos. Todo mundo tem problemas com o amor e o sexo, menos eles! Eles simplesmente amam! Confessam-se personagens teóricos, ideais e dão conselhos, nem sempre eficientes, aos torturados do Amor.

No primeiro episódio, SEDUÇÃO, Mariana Moreno e Eduardo Albuquerque  vivem quase um entretenimento cômico, falam das mulheres que prometem mas não cumprem…

O segundo episódio, FIDELIDADE, versa sobre a curiosidade (e necessidade) de uma jovem senhora casada de conhecer outros homens.  O casal é interpretado por Monica Bittencourt e Kadu Veiga.

O terceiro episódio, IMPOTÊNCIA,  interpretado por Eduardo Albuquerque e Cida Oliveira, fala das vantagens e desvantagens da impotência masculina e dos métodos modernos para evitar esta agrura…

No quarto episódio, PERVERSÃO, Mariana Moreno e Kadu Veiga vão a recantos mais escusos, comentando perversões que qualquer um de nós poderia ter…

O quinto episódio, trata do DESEJO intenso nascido em um encontro pela Internet entre os personagens Alessandra (Cida Oliveira) e Stanley (Kadu Veiga). Stanley não quer encontrá-la e não quer ser visto por ela porque se acha feio. Alessandra faz uma proposta audaciosa de encontrar-se com ele em um apartamento escuro e assim, nas trevas, satisfazem seus desejos durante 2 meses. Até que….

No sexto episódio, PREFERÊNCIAS SEXUAIS, Monica Bittencourt e Eduardo Albuquerque descrevem, contundentemente, os caminhos intricados que podem levar um homem à homossexualidade.

“Falar de temas tão delicados como os que a peça aborda, exigiu de mim um cuidado extremo para que a humanidade do texto e das situações não fosse esquecida. A tentação de optar pelo fácil na direção, alcançando rapidamente as gargalhadas da platéia, é muito forte nesses casos, mas encontrei em Salvador um time de excelentes atores que me ajudaram a contar essas histórias sem retirar delas a verdade e o sentimento. O humor vem naturalmente dessas situações que, muitas vezes, apesar de parecerem inverossímeis, fazem parte de nosso dia a dia. Rir dos dramas alheios é da natureza humana, e nesta peça o humor e o autoconhecimento se encontram, fazendo transbordar na platéia gargalhadas repletas de nervosismo e identificação. Tudo caminha para uma verdadeira catarse ao final da peça onde todos se divertem com um inusitado depoimento. Diversão garantida para ver e rever muitas vezes!”

 

TODO MUNDO TEM PROBLEMAS SEXUAIS

Autores: Alberto Goldin e Domingos de Oliveira

Direção: Fernando Gomes

Elenco: Cida Oliveira, Eduardo Albuquerque, Kadú Veiga, Mariana Moreno e Mônica Bittencourt

Teatro Jorge Amado

Sextas e Sábados 22 h  e Domingos 21 h

Estréia – 9 de setembro de 2011

Temporada: Até 13 de novembro de 2011

Ingressos: R$40,00 (inteira) e R$20,00 (meia)

Produção: Núcleo de Produção do Teatro Jorge Amado & Canto Claro Produções

Classificação Etária: 16 anos