Suspeito de matar jovem gay em GO é preso e confessa crime, diz polícia

Comportamento, Social
12 de setembro de 2014
por Genilson Coutinho

antonio

Na tarde sexta-feira (12), a policia prendeu em Inhumas, município de Goiás o suspeito do assassinato do jovem João Antônio Donati, de 18 anos.
Segundo o delegado Humberto Teófilo, Andrie Maycon Ferreira da Silva, suspeito de 20 anos, deixou o RG próximo ao local onde o corpo estava.
Ele foi detido em uma fazenda, onde trabalhava em uma plantação de tomates. Em depoimento, afirmou que manteve relação sexual com João no mesmo terreno onde ocorreu o crime.
“Após a relação, os dois acabaram se desentendendo e entrando em luta corporal. Ele matou o João asfixiado, pegou o papel que estava em um lixo e colocou na boca dele, segundo ele, porque estava ‘muito nervoso'”, contou o delegado.
Ainda de acordo com o delegado, o laudo da morte de Donati emitido pelo Instituto Médico Legal (IML) foi concluído na quinta-feira (11) . O documento aponta que a vítima lutou com o agressor antes de morrer e que não havia nenhuma fratura no corpo.
“Ele tinha diversos hematomas pelo rosto. O fato de ele não ter nenhuma fratura pode indicar que o assassino ficou segurando-o enquanto ele não conseguia respirar”, disse.