Sob vaias e gritos de “ele não”, Claudia Leitte diz que “veste a roupa do amor” na Micareta Salvador

Notícias
15 de outubro de 2018
por Genilson Coutinho

Após a polêmica envolvendo a cantora Claudia Leitte, sobre a falta do seu posicionamento político a favor da comunidade LGBTQ+, a artista tem passado por situações como a que ocorreu no último domingo (14), na Micareta Salvador. Sob vaias e gritos de “ele não” e “oportunista”, ela defendeu que ela nasceu para cantar e “vestir a roupa do amor”.

“Todo mundo erra. Todo mundo que está aqui nessa terra não é perfeito (sic). A gente tem o ledo engano na nossa frente quando a gente não coloca a lente do amor nos nossos olhos para olhar quem está do lado”, disse a cantora, em seu discurso durante o show.

View this post on Instagram

Fãs fazem protesto no show da cantora @claudialeitte durante #micaretasalvador Oportunista e #elenao eram ouvidos meio a mais um discurso vazio e sem atitude . Mas uma vez ela falou , falou e nada disse . #doistercos #elenao #melhore #claudialeite #fezakatia

A post shared by Dois Terços (@doistercos) on

Ainda sob vaias de grande parte do público e protestos contra a sua omissão perante a campanha que viralizou nas redes sociais, ela falou sobre respeito ao próximo. “Eu respeito o próximo, eu respeito quem está lá no fundão, eu respeito quem está aqui na frente. Eu não venho aqui porque vocês compram o ingresso, me acham linda, ou acham minha roupa incrível. Venho aqui porque nasci para cantar e cantar para mim está relacionado a servir vocês, a vestir a roupa do amor”, defendeu.

A polêmica, envolvendo não somente Claudia Leitte, mas também Ivete Sangalo, surgiu com o desafio do “Ele Não”, no qual a cantora Anitta desafiou as divas do Axé Music a se posicionarem contra o candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL), conhecido pelo seu discurso de ódio contra as minorias, principalmente aos LGBTQ+.

Após o ocorrido, as cantoras passaram alguns dias sem aparecer nas redes sociais e, até o momento, não declararam apoio ou oposição ao candidato. Por isso, estão sendo chamadas de oportunistas pela comunidade LGBTQ+, por se aproveitarem do “Pink Money”, de acordo com ativistas, somente quando as convém.

A Micareta Salvador foi o primeiro evento do gênero no formato indoor da capital baiana, promovida pelo Grupo San Sebastian com mais de 20 horas de música, nos dias 11, 13 e 14 de outubro. O público conferiu as apresentações de Daniela Mercury, Babado Novo, Margareth Menezes, Alinne Rosa, Claudia Leitte e Amanda Santiago.

  • Evertton alved

    Ela n foi nda vaiada. Eu estava lá e vi