SJDHDS abre a Semana da Diversidade com live sobre os Direitos da comunidade LGBTQIA+

Notícias
15 de setembro de 2020
por Genilson Coutinho

Nesta segunda-feira (14), a Secretaria de Justiça. Direitos Humanos e Desenvolvimento Social da Bahia (SJDHDS) deu início a Semana da Diversidade 2020, evento realizado todos os anos para reafirmar, refletir e fomentar os direitos da população LGBTQIA+. A abertura do evento, realizado no Facebook da SJDHDS, contou com a presença do secretário da pasta, Carlos Martins.

Também participaram do momento a conselheira do Conselho LGBT da Bahia (CELGTB) e do Conselho Regional de Serviço Social da 5ª Região – Bahia (CRESS-BA), Emanuela Brito e o coordenador do Núcleo LGBT, Gabriel Teixeira.

“Setembro começou diferente este ano. Estamos num cenário triste de perdas, de vítimas da Covid-19, de isolamento social e de mais intolerância da sociedade com as adversidades. Para a Bahia, a Semana da Diversidade é muito mais do que um compromisso político, é um compromisso de Direitos Humanos, para salvaguardar vidas”, afirmou o secretário da SJDHDS.

“Infelizmente, na pandemia tivemos o triste crescimento de 48% do aumento de homicídios contra pessoas LGBT´s. Por isso, este evento é fundamental e necessário para refletirmos e fortalecermos as políticas públicas de segurança, cultura, saúde, educação, emprego e renda voltadas ao público LGBTQIA+”, endossou Martins.

“Vamos continuar resistindo a todas as formas de violência contra a nossa comunidade LGBT e batalhar pelo acesso, intransigente, a direitos e cidadania”, defendeu Emanuela Brito.

Programação

Na quarta-feira (16/09), o debate tem como tema “Educação – Ensino, Pesquisa e Extensão como proposição de novas práticas”. Participam Jurema Brito, professora da Rede Estadual de Ensino, atualmente Diretora de Currículo, Avaliação e Tecnologias Educacionais da Secretaria Estadual da Educação (SEC); Danilo Bitterncourt, pedagogo, jornalista, especialista em Direitos Humanos e Mestre em Relações Étnicas e Contemporaneidade, da Universidade do Sudoeste da Bahia e do Conselho LGBT; e Sóstenes Macedo, coordenador do AMADO, núcleo de Apoio a comunidade LGBTQIA+, doutorando em Direito pela UFBA, advogado e membro do Grupo de Pesquisa em Criminologia da UEFS.

Já na quinta-feira (17), o debate gira em torno do tema “Cultura e Turismo – Olhares sobre a diversidade” e conta com a participação de Emília Couto, técnica de qualificação da Secretaria Estadual de Turismo (Setur) e Cassi Andrade, técnica do Centro de Culturas Populares e Identitárias, da Secretaria Estadual de Cultura (SecultBA).

Deixe seu comentário

Sem comentários, seja o primeiro.