Senac Casa Afro Fashion vai oferecer oficinas de beleza negra e bate-papos gratuitos

In Moda
14 de novembro de 2016
por Genilson Coutinho

Phaedra Brasil fará mediação de bate-papo (Foto: Angeluci Figueiredo/Arquivo CORREIO)

Quando uma ideia é boa, todo mundo quer abraçar e até levar pra casa. Foi isso que o Senac Bahia fez com o Afro Fashion Day (AFD), evento realizado pelo CORREIO para celebrar o Dia da Consciência Negra, comemorado em 20 de novembro. Apoiadora desde a primeira edição, este ano a instituição oferece as oficinas e bate-papos do evento em sua sede da Rua Chile, no Centro Histórico.

A Senac Casa Afro Fashion vai receber programação (confira abaixo) no próximo sábado, 19, a partir das 9h. Serão seis workshops e conversas gratuitos sobre temas que relacionam beleza e empoderamento da mulher negra. Interessados devem realizar pré-inscrição no site e chegar 30 minutos antes para confirmar a vaga.

“É uma sacada maravilhosa do CORREIO pensar esse evento que tem tudo para se fixar no calendário nacional sem ser comparado com o que acontece no Rio e em São Paulo. Ano passado, pessoas de outros estados e países viram o desfile e ficaram surpresas com as possibilidades que a gente tem de criação e que até então não tinham sido exploradas”, destaca Phaedra Brasil, consultora de Moda do Senac.

Em uma cidade como Salvador, com mais de 80% da população se declarando negra ou parda, questões como estilização de cabelos afro, maquiagem para pele negra e unhas decoradas com temáticas étnicas ganham ainda mais importância. “Temos que ratificar a estética da mulher negra, o respeito aos cabelos crespos, a um estilo de vestir que valoriza as cores. Nós não somos muito do tom pastel, do pretinho basico. É a possibilidade de ampliar essas discussões que está em voga”, defende Olívia Santana, secretária de Políticas para as Mulheres do Estado da Bahia. Ela participa do bate-papo Empoderamento da Mulher Negra, juntamente com a estilista e pesquisadora Carol Barreto e a designer Luma Nascimento.

“Há 6 anos, quando comecei a trabalhar com maquiagem não existia a gama de produtos voltados para a pele negra que a gente vê hoje. Tudo era muito caro e a maior parte da população não tinha acesso. Cada vez mais as pessoas se interessam e a indústria sentiu essa demanda”, conta a instrutora do Senac Regiane Ferreira, responsável pela Oficina de Automaquiagem para Pele Negra.

A identidade afro sempre foi guia para a designer de moda e empresária Madalena Negrif. A filha de costureira começou a atuar na área como sacoleira e sentiu necessidade de se capacitar para criar peças que fugissem do modismo e revelassem sua força. Atualmente, sua marca, Negrif, tem uma loja na Carlos Gomes e representação em cinco estados. “Quando conto minha história, as pessoas vêm dar retorno sobre suas vontades de empreender, criar, abrir negócios. Termina sendo uma troca que soma muito”, diz Madá, como é conhecida. Na programação do AFD, ela participa do bate-papo Dicas de Moda Trend Afro, ao lado de Phaedra Brasil

As atividades continuam domingo, com uma feira de manufaturas na Praça da Sé (das 11h às 20h) e a exposição Visu no Pelô, com imagens de pessoas estilosas que circulam pelas ruas do Centro Histórico. O ponto alto do AFD acontece no pôr do sol, com o desfile de peças de 46 marcas baianas em uma passarela na Praça da Cruz Caída.

“Nossa expectativa é que as pessoas não venham só fazer as oficinas e participar dos bate-papos, mas que conheçam o Senac, visitem o Centro, que está revivendo, além de se envolverem em toda a programação”, revela Maibi Teixeira, gerente de educação profissional do Senac Rua Chile.
O Afro Fashion Day é uma realização do CORREIO com patrocínio do Shopping da Bahia, HapVida e Faculdade da Cidade, apoio do Senac e da Eudora e apoio institucional da prefeitura de Salvador.

PROGRAME-SE PARA SÁBADO

*Oficina de Estilização de Cabelos Afro:  com Bárbara Aguiar, cabeleireira e pro- prietária do Yalodê Cabelos Naturais, salão especializado na estética negra. Das 9h às 11h. Capacidade: 20 pessoas (com alguma experiência)
*Oficina de Automaquiagem para Pele Negra: com Regiane Ferreira, professora do Senac. Das 9h às 11h. Capacidade: 20 pessoas
*Oficina de Unhas Decoradas com Motivos Étnicos: com Jacimara Oliveira, professora do Senac. Serão duas turmas das 9h às 12h e das 13h às 15h. Capacidade: 15 pessoas cada
*Bate-papo Empoderamento da Mulher Negra: com a estilista Carol Barreto, a designer Luma Nascimento, a secretária de Políticas para as Mulheres Olívia Santana e mediação de Phaedra Brasil. Das 9h às 12h. Capacidade: 25 pessoas
*Dicas de Moda Trend Afro: com Madalena Negrif e Phaedra Brasil. De 14h às 15h. Capacidade: 25 pessoas
Inscrições gratuitas: interessados devem realizar pré-inscrição no site e chegar 30 minutos antes para confirmar a vaga.