Segundo dia de São João do Pelô apresenta grandes nomes da música nordestina

Sem categoria
22 de junho de 2012
por Genilson Coutinho

O clássico forró pé de serra este ano não estará só. No São João do Pelô, o tradicional tem sempre seu espaço garantido, mas também vem acompanhado de novas tendências como o forró eletrônico e o forró universitário. E o segundo dia de festa no Centro Histórico (22/06) promete muita animação! Nomes como Tenison Del Rey, Cangaia de Jegue e Banda Flor Serena vão comandar a noite em sete palcos, espalhados da Praça Municipal até a Ladeira do Taboão. O evento, realizado pelo Governo do Estado da Bahia através das Secretarias de Cultura e de Turismo, conta com o apoio do Centro de Culturas Populares e Identitárias.

O arraiá do Pelô conta com decoração temática em homenagem ao centenário de Luiz Gonzaga, o rei do Baião. Na ornamentação, composta de balões luminosos e diversas bandeirolas, mandacarus lembram o clima do sertão e bonecões representando o velho Lua recebem o público com uma sanfona em punho. A folia junina acontece na Praça Municipal, Terreiro de Jesus, Cruzeiro de São Francisco, Largo do Pelourinho e Largos Pedro Archanjo, Tereza Batista e Quincas Berro D’Água.

A noite no Largo do Pelourinho contará com boa música a partir das 20h30. Para animar os forrozeiros de plantão, Bannda Lua Cheia, Tenison Del Rey e Banda Cactus. Já nos Largos Tereza Batista, Quincas Berro D’Água e Pedro Archanjo, a festa tem início às 21h. Quem sobe ao palco do Largo Quincas Berro D’Água são as bandas Rosa Baiana e Kuke Malino. Para comandar o forró no Largo Tereza Batista são os grupos Sarakura e 20Xotear. Já no Largo Pedro Archanjo Chuchu Beleza e banda Flor Serena embalam a galera ao som do forró.

No Cruzeiro de São Francisco, a noite será alegrada por Zé Gomes e Banda Zabumbada da Bahia, além da cantora Vanesca Pinheiro, a partir das 20h. No Terreiro de Jesus, o forró começa cedo, às 18h, e fará o público dançar ao som de Gereba, Carlos Pitta, Cangaia de Jegue e Targino Gondim. E para quem ainda quiser um arrasta-pé, o sanfoneiro Celo Costa estará na Praça Municipal às 23h, após o concurso de quadrilhas.

Toda a programação do Pelô durante o São João é gratuita. Para quem fica em Salvador a festa do Pelourinho é a opção de sentir o clima de interior, estando na capital. Os casarões e as ruas de pedra trazem a sensação de se estar numa vila, o que torna o Centro Histórico ideal pra quem quer curtir o verdadeiro São João, sem sair da cidade.

FOTO: Tatiana Azeviche