Segunda-feira é dia de Sambar

Sem categoria
3 de janeiro de 2012
por Genilson Coutinho

Sandra Simões faz Pizza acabar em Samba. Quer mais Urbano do que isso?

Pé de pato, mangalô, três vezes. Bate na madeira e entra em cena com o pé direitoSandra Simões. Todas as segundas-feiras, a partir do dia 9 de janeiro até o carnaval,Sandrinha conduz o Samba Urbano, na Piola Pizzaria, no Rio Vermelho. Serão seisnoites animadas ao som de clássicos do samba junto a músicas inéditas e algumasautorais (e autobiográficas!), que Sandra adianta do disco que lançará em março,como Santo de Barro e Comigo Ninguém Pode.

A noite começa às 20 horas, com um “esquente” da DJ Alessandra Nohvais e umdelicioso repertório de compositores baianos – com destaque para os atuais – e ferve nasequência com a energia e vibração de Sandra. Sem saia rodada nem flor no cabelo (enada contra isso), a cantora é acompanhada por um instrumental que contempla a tradição(percussão, violão de sete cordas, cavaquinho…), mas com o complemento “nervoso” debateria, guitarra e guitarrinha baiana. Bamba e Rock n’ Roll, afinal de contas. Tudo issobem pertinho do público, que samba bom é assim, no chão.

A essa atmosfera irão se juntar participações superespeciais, como o mestre NelsonRufino – já na noite de estreia – e as boas surpresas que Sandrinha sempre apronta,desde os tempos do Coletivo Circo dá Samba, no Circo Picolino, e do Samba da Igreja,que abriu os caminhos musicais no Espaço Cultural da Barroquinha. Faça parte da roda. Adireção artística é de Sandra Simões e a direção musical de Léo Brasileiro.

 

Sandra Simões em Samba Urbano

na Piola Pizzaria – Rio Vermelho [mapa]

Toda segunda-feira, 20h (a partir do dia 9/1)

Abertura com DJ Alessandra Nohvais

Participações especiais e Pizza

FICHA TÉCNICA:

voz e direção artística: Sandra Simões | violão/ guitarra e direção musical: Léo Brasileiro| violão 7 cordas e cavaquinho: Dú Marques | guitarra baiana e bandolim: RicardoMarques | bateria: Vítor Leony | percussão: Ciro Cuca || Produção: Flávia Motta ||