“Se a gente chegar até o beijo vai significar que as pessoas compraram nossa história”, afirma Giovanna Antonelli

Sem categoria
21 de março de 2014
por Fábio Rocha

A relação de Clara, personagem da atriz Giovanna Antonelli na trama de Em Família, com Marina, vivida pela Tainá Müller, divide opiniões do público. Muita gente torce para que seja só uma crise no casamento da primeira com Cadu, (Reynaldo Gianecchini) e que a paixão entre as duas seja passageira. Mas, ao mesmo tempo, tem muita gente torcendo para que as duas mergulhem de vez nessa nova relação.

No café da manhã com Ana Maria Braga, a atriz comentou o dilema romântico vivido com o triângulo. Ela revelou que considera uma traição menor quando uma mulher se relaciona com outra. “É bacana a forma como a história foi acontecendo porque foi nascendo uma grande amizade entre as duas. A Clara e o Cadu se amam, estão casados há anos, têm tesão um no outro, são amigos. E a Marina e a Clara começaram com essa amizade, afinidade e admiração. Deve ser muito louco na cabeça das mulheres que passam por essa situação de ser casada com um homem e começar a amar uma mulher”, comentou a Giovanna.

Ana Maria, então, quis saber: ”Você acha melhor ou pior se envolver com outra mulher ao invés de se envolver com outro homem?”. Antonelli não fugiu da resposta: “Acho que não tem o mesmo peso trair o marido com uma mulher. Não é melhor, nem pior. É diferente. Não vem com o impacto da traição, da sacanagem”, disparou.

Sobre o possível beijo gay na novela, Giovanna confessou que não se incomodaria e que o beijo pode significar uma vitória para a trama. “Se a gente chegar até o beijo vai significar que as pessoas compraram nossa história. Será uma vitória”, disse. Na vida real, a atriz revelou que não hesitaria em viver um amor intenso. “Se acontecesse comigo, eu viveria genuinamente. A gente não pode julgar as coisas do coração. Eu nunca deixei de viver um amor em que eu acreditasse. Mesmo que fosse com outra mulher”, contou.

Recado de casal emociona atriz: ‘Você está ajudando muitas mulheres’

O Mais Você exibiu a história do casal Bia e Carol, que sempre se relacionaram com homens, mas se apaixonaram perdidamente uma pela outra. Após contarem como tudo aconteceu, elas mandaram um recadinho carinhoso para Antonelli: “Você está ajudando muitas mulheres a se descobrirem e se aceitarem como são. Estou me sentindo representada”, disse Bia. “A gente torce muito por vocês, mas antes termina tudo com o Cadu porque também achamos isso importante, porque deslealdade é traição”, completou Carol.
Antonelli ficou emocionada com a mensagem. “Vocês falarem que estão acreditando nessa história é um mérito muito grande. É isso. Temos o direito de amar, mas temos que amar uma pessoa de cada vez. Não podemos nos atropelar e a maturidade vai trazendo isso para a gente”, completou.