São Paulo é cenário da III Conferência Internacional da Diversidade e Turismo LGBT

Comportamento, Social
26 de agosto de 2019
por Genilson Coutinho

Por Marcello Fontes 

A cidade de São Paulo, terra da diversidade, deu boas-vindas à III Conferência Internacional da Diversidade e Turismo LGBT, no final da tarde desse domingo, 25, lotando a Sala do Conservatório, na Praça das Artes, e se potencializa como um destino friendly, cultural e diverso. A cerimônia de abertura reuniu empresas, destinos representantes do poder público e de entidades municipais, estaduais, nacionais e internacionais. O evento, considerado um dos maiores e mais expressivos encontros econômicos com foco em negócios, turismo e cultura voltados a comunidade formada por lésbicas, gays, bissessuais e transgêneros, segue em cartaz até o dia 1º de setembro, na Praça das Artes, no centro histórico da cidade da garoa, com uma extensa programação de atividades como mesas redondas, debates, palestras, exposições fotográficas e muito mais. “Essa edição consolida o evento com a união de várias forças e esforços, com dezesseis países envolvidos, diz Ricardo Gomes, presidente da Câmara de Comércio e Turismo LGBT do Brasil.

De acordo com ele, o cenário é um ambiente qualificado para o compartilhamento de conhecimento e melhores práticas, cases e experiências inovadoras para o mundo, fomento de novos negócios e a promoção de destinos amigáveis. A programação desta edição tem como fio condutor estreante a Cultura, unida ao Mercado Empresarial e Turismo. A diretoria da Câmara de Comércio e Turismo LGBT do Brasil – Ricardo Gomes, presidente; Átila Paixão, vice-presidente; Darlan Schmidt, diretor administrativo; Robson Bertolino, diretor de comunicação; Denise Prado, diretora de cultura; Fernanfo Foratto, diretor financeiro, Gabriel Rajão, diretor de secretariado e André Raynaund, diretor de turismo – marcou presença no evento.

Empresas, destinos representantes do poder público e de entidades municipais, estaduais, nacionais e internacionais marcaram presença na abertura oficial do evento. Foto: Marcello Fontes/Portal e Revista Turismo Total.

Dentre os presentes na abertura do evento, Fernando Garcia Casas, Embaixador da Espanha no Brasil. “Nossa meta é buscar uma sociedade mais aberts, respeitando às diferenças e viver um mundo mais diversificado marcado pela diversidade”, revela o embaixador. Neste ano de 2019, o destino nacional convidado é a cidade de São Paulo e o destino internacional convidado é Espanha.  Outro nome foi Fausto Franco, Secretário de Estado de Turismo da Bahia. “A Bahia está aqui apoiando este evento e deseja receber com hospitalidade o público GLBT em Salvador. São Paulo é um centro nervoso financeiro e intelectual do Brasil e ainda um forte emissor turístico do Brasil”, diz Franco.

Música e apresentações

Durante a abertura da III Conferência Internacional da Diversidade e Turismo LGBT, o palco deu lugar às artes e expressões musicais.  Por lá se apresentaram o Grupo Ensemble da Fundação Theatro Municipal de São Paulo, composto por Marcos Kiehl, arranjador e flautista, e dos violonistas Alex Ximenes e Otávio Stocco, o clássico Tablado Flamecno, com a cantora espanhola Irene Atienza, acompanhada do violonista Jony Gonçalves, o percussionista Luciano Khatib e a dançarina de flamenco, que deu um show, Ale Kalaf. O encerramento ficou a cargo do Coral de quarenta vozes da Câmara LGBT do Brasil, regido pelo maestro Ettore Verissimo.

  • O Repórter Marcello Fontes viajou à convite da organização da III Conferência Internacional da Diversidade e Turismo LGBT