Salvador terá protesto nesta sexta (12) contra ataque homofóbico a Bar LGBT na Carlos Gomes em Salvador

Notícias
11 de janeiro de 2018
por Genilson Coutinho

O movimento LGBT de Salvador irá às ruas, nesta sexta-feira ( 12), a partir das 16h, protestar e pedir punições para os responsáveis pelos ataques  com pedras grandes de gelo, jogadas do prédio ao lado, no telhado do Bar Caras e Bocas, do casal Rosy Silva e Alessandra Leite, ocorrido no último dia 5 de janeiro, data que marcava a inauguração do bar, no Centro de Salvador .

Bar LGBT de Salvador sofre ataque homofóbico

O ataque homofóbico vindo, segundo suspeitas, do Edifício Santo Amaro, ao lado do bar, gerou revolta na militância LGBT e na classe artística  que, durante a semana inteira, tem acompanhando o andamento das medidas cabíveis tomadas por Rosy Silva junto à polícia e a entidades de defesa da população LGBT em Salvador.

Vale ressaltar que essa não é a primeira vez que o bar foi apedrejado, da mesma forma que ocorreu na gestão de Rosy e Alessandra.

Para chamar a atenção da população e autoridades, o movimento irá às ruas, unidos contra toda forma de LGBTfobia na capital baiana .

Nas redes sociais, Rosy Silva publicou um convite para o ato, que foi batizado de Ato de Resistência, aberto a todxs LGBT+

A concentração acontecerá atrás do Procon, na Carlos  Gomes .

Junte-se a nos nesta luta !