Salvador recebe V Balada Literária a partir desta quarta (21)

Arte e Exposições, Literatura, No Circuito
20 de agosto de 2019
por Genilson Coutinho

O Espaço Cultural da Barroquinha e o Teatro Gregório de Mattos (TGM), no Centro, e a Casa do Benin, no Pelourinho, vão receber atividades da V Balada Literária da Bahia, que começa nesta quarta-feira (21) e segue até o domingo (25). O evento é apoiado pela Prefeitura, por meio da Fundação Gregório de Mattos (FGM), e terá dois convidados internacionais dentre os participantes: o escritor português Valter Hugo Mãe e o franco-marroquino Abdellah Taia.

Na quarta, a abertura acontece às 19h, no Espaço Cultural da Barroquinha, com uma edição especial do Sarau Bem Black, lançamento da Revista Organismo número 7 e do livro Go Afrika,  de Nelson Maca. Além disso, o público também vai poder conferir um pocket-show da banda de rap Versu2 (Rap).

Na quina-feira (22), o destaque vai para o bate-papo com Abdellah Taia, mediado por Simone Paulino, às 17 h, na Casa do Benin. Destaque também como dramaturgo e cineasta, Taia foi o primeiro escritor árabe a se assumir homossexual publicamente, em 2006, tornando-se um ícone da resistência em seu país. O primeiro livro publicado no Brasil é Aquele que é Digno de ser Amado, de 2018, que conta a história de Ahmed, um homossexual de 40 anos que vive em Paris e revê a própria história através de quatro cartas.

Na sexta-feira (23), é a vez de Marcelino Freire e Ana Cristina Pereira conversarem com Valter Hugo Mãe, às 16h, no Espaço da Barroquinha. No evento, Hugo Mãe apresenta a edição brasileira de Contos de Cães e Maus Lobos – primeiro livro de contos do escritor.

No sábado (24), o Teatro Gregório de Mattos recebe shows de Miguel Marinho, Vertin Moura e Juraci Tavares, além do lançamento do clipe “Pássaro Só” de Vertin, às 19h. Os ingressos custam R$20 e R$10 (meia).

Balada – A V Balada Literária da Bahia conta com cinco dias de programação, a maior parte dela gratuita. De quinta a sábado, a programação divide-se entre a Casa do Benin, o Espaço Cultural da Barroquinha e o Teatro Gregório de Mattos. E no domingo, o encerramento acontece na Fundação Pierre Verger, no Engenho Velho de Brotas, numa atividade com participação da educadora e contadora de histórias Dona Cici, a homenageada da edição baiana da Balada. A programação completa está disponível em  www. baladaliteraria. com. br.