Salvador recebe feira literária com grandes nomes da literatura nacional

Literatura, No Circuito
11 de maio de 2018
por Genilson Coutinho

A escritora Paula Pimenta está confirmadissima

Que tal mexer no cenário cultural de Salvador, colocando pitadas de história e estórias das mais envolventes e inesquecíveis?! Em maio Salvador recebe a segunda edição da FliCaixa e FliCaixinha, Festas Literárias que reúnem, nos dias 18, 19, 26 e 27 de maio, na Caixa Cultural, os principais escritores nacionais para debater diversos temas contemporâneos, fazendo um passeio pela cultura e pela arte.

Diferentes estilos literários na Flicaixa

A FliCaixa 2018 conecta diferentes estilos com um único objetivo: fortalecer nossa cultura. Já no dia 18, essas características podem ser sentidas. A Mesa 01 – Perceber o universo no particular, perceber o particular no universo, andanças e percepções – traz para a roda de conversas André Fran, diretor, roteirista, escritor e palestrante, a jornalista Catarina Guedes; e o escritor Victor Mascarenhas para mediador. Início 19h00.

A Mesa 02, Meu lugar, nosso lugar, o diverso no indivíduo e no coletivo, primeira atividade do dia 19, une a poesia de Érica Azevedo, e suas reflexões sobre a existência, os amores, a morte, a vida, a brevidade, a condição feminina, a chuva, o individual e o coletivo; Djamila Ribeiro, famosa por seu ativismo digital, é a autora do livro O que é lugar de fala, intensamente repercutido; e a baiana Lívia Natália. Professora da Universidade Federal da Bahia, que teve um dos seus poemas, intitulado Quadrilha, que trata da chacina no bairro do Cabula, exposto em um painel na cidade de Salvador. Início 11h00

Outro destaque da FliCaixa fica por conta do também baiano Antônio Torres, membro da cadeira 23 da Academia Brasileira de Letras, cadeira outrora ocupada por Jorge Amado e Zélia Gattai. Nascido no sertão baiano, em Sátiro Dias, consagrou-se com a publicação da obra Essa Terraromance que aborda a questão da migração nordestina para as grandes cidades do sudeste em busca de uma vida melhor. Torres divide a Mesa 03, Nossas muitas histórias, com Aleilton Fonseca, o mestre das ficções, e Sandro Magalhães, que fará a mediação. Início 14h30.

Ao longo da programação, a feira conta ainda com Gustavo Falcon, autor do livro Coronéis do Cacau na mesa 04; Henrique Wagner, poeta, contista, ensaísta e crítico de cinema, teatro e literatura; Aurélio Schommer, escritor brasileiro, nativo de Caxias do Sul (RS), e um dos fundadores da Flica; e mediação de Mira Silva, às 16h15.

Para o público juvenil, a FliCaixa reservou a participação de Paula Pimenta. A autora ultrapassou a marca de um milhão de exemplares vendidos no ano 2016. Desde então, todas suas obras são best-sellers, e por onda passa, Paula arrasta uma multidão de jovens leitores, com início às 18h00, também no dia 19/05.

Música, mágica e histórias

Já nos dias 26 e 27 de maio, a feira será comandada pela criançada. É a Flicaixinha, uma gostosa mistura de poesia, música, contação de histórias e magia. Como não há limites para a imaginação, também não pode haver limites de idade, e a Flicaixinha está aberta para todos os públicos.

Para além dos livros, a FliCaixa terá apresentações culturais, como o grupo Dona Zefinha e o espetáculo Ch@furdo, que conta a história de três irmãos que se reúnem para realizar uma apresentação musical improvisada com a maioria dos instrumentos feitos de materiais alternativos.

Serviço:

Festa Literária da CAIXA – FliCaixa

Quando: 18, 19, 26 e 27 de maio de 2018

Horários: 18/05/2018 – As 19:00 horas

19/05/2018 – a partir das 11:00 horas

26/05/2018 – a partir das 15:00 horas

27/05/2018 – a partir das 15:00 horas

Onde: CAIXA Cultural Salvador – Rua Carlos Gomes, 57, Centro – Salvador (BA)

Informações: (71) 3421-4200

Classificação indicativa: livre

Conveniência: estacionamento gratuito ao lado, a partir das 14h.

Entrada franca, observado o limite de espaço no local