Salmo 91 leva massacre do Carandiru para os palcos baianos

Sem categoria
12 de março de 2012
por Genilson Coutinho

 

 

A nova montagem do diretor Djalma Thürler, Salmo 91, entra na segunda semana de sua temporada, com apresentações de quinta à domingo (15, 16, 17 e 18/03), no Teatro Molière, sempre às 20h. Na peça, histórias de dez presos do pavilhão nove do Complexo do Carandiru, palco da maior chacina do sistema prisional brasileiro. Crime, vaidade, medo, desejo e violência brotam das grades, desenhando a vida no cárcere. A montagem conta com um elenco de grandes talentos da cena teatral de Salvador: Lúcio Tranchesi Rubio, Fábio Vidal, Duda Woyda, Rafael Medrado e Lucas Lacerda. Essa é a segunda montagem brasileira do texto, do dramaturgo Dib Carneiro Neto, que venceu o Prêmio Shell em 2008.

A peça não é um relato realista do massacre e foca na perspectiva do preso sobre a vida marginal. O diretor classifica como o anti-espetáculo e aposta no trabalho do ator para compor o vazio metafórico no palco. A cenografia é assinada pelo premiado José Dias, vencedor de prêmios como o Molière, o Shell e Mambembe.

Foto: Genilson Coutinho

SERVIÇO – Salmo 91

Apresentações: 15, 16, 17 e 18/03 (quinta a domingo)

Local: Teatro Molière, Av. 7 de Setembro, 401 – Ladeira da Barra.

Horário: 20h

Preços: R$ 20 e R$ 10

 

Direção: Djalma Thürler

Texto: Dib Carneiro Neto

Cenografia: José Dias

Elenco: Lúcio Tranchesi Rubio, Fábio Vidal, Duda Woyda, Rafael Medrado e Lucas Lacerda