Rádio frei caneca FM estreia programa sobre sexualidade com Maria do Céu e DJ Pax no comando

Música, No Circuito
13 de julho de 2020
por Genilson Coutinho
Maria do Céu e DJ Adriana Pax (Foto: Maria do Céu/Divulgação e Itakatrina/Divulgação)

O programa Oxente, Afrodite! cujo tema central é a sexualidade humana, tem estreia prevista neste sábado 18 de julho, às 20h, na rádio Frei Caneca 101.5 FM. Dirigido e apresentado pela comunicadora e DJ Adriana Pax, o programa terá também o comando e participação da sexóloga, psicóloga e produtora cultural Maria do Céu, proponente do projeto que foi selecionado no edital de apoio à ocupação da grade de programação da Frei Caneca FM. Na edição de estreia, o Oxente, Afrodite! terá como convidada a terapeuta sexual Magali Marino para explicar a diferença entre educação sexual e pornografia. O programa de uma hora de duração contará com quadros de notícias, dicas de serviços gratuitos para à população, entrevista e perguntas dos ouvintes, além do bloco musical que promete esquentar as noites de sábado.

Selecionado desde fevereiro deste ano, o programa Oxente, Afrodite! coincide sua estreia – neste mês de julho – com o momento em que o governo brasileiro uniu-se a países islâmicos para vetar educação sexual em projeto da ONU de defesa de meninas e mulheres. “É por essa e outras que precisamos tocar em assuntos cuja informação frequentemente é negada. Não se pode defender a família sem falar do respeito ao corpo.”, reflete Maria do Céu. Para a neta do radialista Ludovico de Ataíde Cavalcanti, o Oxente, Afrodite! será a sua estréia no rádio. Recém-formada sexóloga, Maria é sempre lembrada quando se trata da diversidade devido ao seu constante ativismo social. E não é de hoje que Do Céu provoca a sociedade. Atuante no mundo da moda nos anos 80 e 90, figurou desfiles polêmicos e escandalizou ao exibir os seios na passarela para a marca Beto Kelner, na histórica boate Misty, em 1991. Como provocadora cultural, produziu a feira Mercado Pop, Baile dos Artistas, a casa noturna Doktor Froid e empreendeu o Clube Metrópole.

Parte do programa Oxente, Afrodite! será preenchido pelo bloco musical elaborado pela DJ Pax, que prepara uma sequência musical inusitada a cada nova edição. E cumpre importante papel divulgando a música pernambucana, com repertório, por vezes, predominantemente ‘da terra’. “Se tudo passa pela sexualidade humana, imagina a música o quanto faz parte disso. É expressão da existência humana, manifestação da energia criativa. É muito bom fazer o Oxente, Afrodite! e espero não só promover a nossa cultura, mas contribuir para melhorar a qualidade de vida dos ouvintes. Tô ansiosa pra sentir a resposta da audiência.”, diz Adriana Pax. Jornalista, também produtora e DJ há 17 anos, Pax é uma das primeiras mulheres a pilotar as picapes e trabalhar com música eletrônica no Nordeste. Presente no ranking das melhores DJs do país segundo a revista especializada DJane Mag, ela é um dos nomes mais importantes da cultura DJ no estado de Pernambuco. Participou do extinto programa Electro Sound da rádio Tropical FM e sua voz pode ser reconhecida como apresentadora do festival Rec Beat no carnaval do Recife há três anos, sendo a primeira mulher a desempenhar esta função no festival.

Tão recifense quanto as âncoras, o produtor musical Gabriel Barbosa, que atende pelo nome profissional de Sílex Machine, é responsável por captar e tratar todo o conteúdo do programa. Sílex responde pela gravadora Omniatronic Records, creditada pelo desenvolvimento das carreiras de artistas do brega funk e do rap, como Douglas Docash. Além disso, também já emprestou seu talento a artistas como Galo de Souza. Compondo às características de apelo regional e linguagem ditadas pela direção de Adriana Pax, o Oxente, Afrodite! ainda conta com Sílex Machine na produção de vinhetas, backgrounds e design sonoro que dão personalidade ao programa.Semanalmente, o programa Oxente, Afrodite! colocará em pauta temas como Abuso Sexual no Ambiente Familiar, As Leis que Regulam o Sexo, Disfunções Sexuais Masculinas, A Sexualidade das Pessoas Depressivas, Sexo Anal e muitos outros assuntos que demandam abordagem educativa. “A Organização Mundial de Saúde define que a sexualidade faz parte da personalidade de cada um, sendo uma necessidade básica e um aspecto do ser humano que não pode ser separado de outros aspectos da vida. A sexualidade influencia pensamentos, sentimentos, ações e interações e, portanto a saúde física e mental. O Oxente, Afrodite! vem para promover o bem-estar das pessoas. O que estamos oferecendo é um programa educativo e inédito no Recife. Vamos contribuir para a prevenção de DSTs e outras doenças, prevenir a gestação indesejada, combater a intolerância e as diversas configurações de abuso.”, conta a sexóloga Maria do Céu. Um dos momentos que deverá elevar a audiência no programa é o quadro de perguntas dos ouvintes, onde Maria do Céu responde inusitadas dúvidas sobre sexualidade. As perguntas, sugestões de pautas e músicas são recebidas pelo e-mail oxenteafrodite@gmail.com ou perfil do instagram @oxenteafrodite . Além da frequência 101.5 FM no dial, a rádio Frei Caneca também transmite sua programação online pelo site www.freicanecafm.org

Deixe seu comentário

Sem comentários, seja o primeiro.