Quintas Gregorianas recebe o Coletivo Zeferinas nesta quinta (5)

Música, No Circuito, Teatro
5 de abril de 2018
por Genilson Coutinho

Amanhã, 5, às 17h, mais uma edição do projeto Quintas Gregorianas irá movimentar a programação de Gregórios, exposição interativa sobre vida e obra de Gregório de Mattos, que está em cartaz na Galeria da Cidade no Teatro Gregório de Mattos (TGM). A atração desta semana é Coletivo Zeferinas, formado por oito artistas do bairro de Cajazeiras, que tem como inspiração a líder Zeferina e usam a Poesia Marginal como estratégia de combate ao sistema conservador, machista, misógino e racista.

 Nas apresentações do grupo, são abordados temas relativos ao empoderamento feminino, formas de combate às opressões vividas pela população negra, em especial as mulheres, e a importância da literatura negra como representatividade na nossa sociedade. O grupo traz uma mesclagem de poesia autorais e músicas selecionadas, trazendo sempre reflexões importantes.

GREGÓRIOS – Ambientada num circuito dinâmico e criativo, com diversas texturas, composta pela vasta obra creditada a Gregório de Mattos, a mostra cria uma atmosfera seiscentista da Salvador do poeta, por via da iluminação, dos sons, de imagens e objetos que transportam os visitantes àqueles tempos em que a capital da Bahia já se fazia majestosa e a mais importante cidade das Américas. Além da vida e obra do Boca de Brasa, uma linha do tempo retrata a trajetória da Fundação que leva seu nome, a Fundação Gregório de Mattos, criada em 1986 e que, ao longo de três décadas, tem sido uma instituição importante para alavancar ações e projetos culturais em Salvador.

A exposição GREGORIOS permanece em cartaz na Galeria do Teatro Gregório de Mattos até o final de abril, de 14h às 19h, com entrada gratuita.Como legado, a Galeria da Cidade ganhará um Memorial com parte do acervo exposto.

 A exposição Gregórios tem Produção Executiva assinada pela Multi Planejamento Cultural.

SERVIÇO

O que: Quintas Gregorianas com o Coletivo Zeferinas

Onde: Galeria da Cidade – Teatro Gregório de Mattos

Quando: Amanhã (5/4), 17h

Quanto: Entrada franca