“Quero dar voz a todos àqueles que buscam soluções para o descaso social em Salvador”, diz Dion Santyago

Notícias
28 de setembro de 2016
por Genilson Coutinho

Foto: Genilson Coutinho

Dion Santyago é uma das grandes estrelas da arte do transformismo baiano, referência para muito artistas que a tem como madrinha e exemplo de profissionalismo no cenário LGBT. Há mais de 30 anos, a também arquiteta e designer de interiores levanta a bandeira da arte transformista atrelada a ações socais em prol das minorias por meio de ações sociais em parceria com instituições, como a Creche Conceição Macedo que atende crianças portadoras do vírus HIV e recentemente o projeto Pôr do Sol das Divas que levava a arte transformista para os fins de tarde na praia do Porto da Barra.

Para somar politicamente a voz da comunidade LGBT em Salvador, Dion tentará pela primeira vez uma vaga na Câmara dos Vereadores. Para falar sobre seus planos, a candidata e coordenadora LGBT do Solidariedade Salvador conversou com nossa equipe sobre casamento homoafetivo, adoção por casais homoafetivos e dentre outros pontos importantes na vida da comunidade LGB T.

Dois Terços – Como nasceu o desejo de se candidatar?

Dion Santyago – Pelas questões que circundam nossa comunidade e que infelizmente nos colocam como pessoas à parte dentro do contexto social em que vivemos. Desta forma, fui impulsionada por centenas de amigos e colaboradores que acompanham a minha história de luta e militância independente, a representar esses milhares de irmãos LGBTs que assim como eu ainda tem esperanças de viver em uma sociedade onde nossos direitos sejam EFETIVADOS, PRESERVADOS E RESPEITADOS!

DT Qual a importância de um representante LGBT no legislativo municipal?

Dion – Dar voz a todos aqueles que buscam soluções para o descaso social em que vivemos e não acham, pois não há melhor guerreiro do que aquele que sente na pele a dor do preconceito em todos os níveis. Também é de fundamental importância como representante mostrar a capacidade de qualquer LGBT em qualquer profissão, dissociando principalmente que travestis, transexuais estejam associados à prostituição e que qualquer gay, que não esteja dentro dos padrões do comportamento heteronormativo, seja cabelereiro ou segurança, se for uma lésbica por exemplo.

DT Você traz uma experiência muito grande na militância LGBT baiana. O que você pensa em trazer dessa vivência para a Câmera?

Dion – Eu venho de uma época onde as barreiras sociais eram enormes, e conseguimos romper muitas destas barreiras, e isso só se deu com ATITUDES, só assim conseguimos mudar realmente algo que não nos faz bem. Da minha vivência posso ressaltar a minha história que como muitos do nosso país teve todas as dificuldades financeiras, falta de apoio e reconhecimento. Mas estou aqui. Com o transformismo sempre busquei revelar através da minha performance, que não era um simples desejo de se vestir de mulher, como cabeleireira e maquiadora, busquei me formar na universidade como arquiteta, porque tenho esse livre arbítrio como qualquer um, de fazer o que quero, com respeito e dignidade.  Posso dizer que obtive êxito, venci ao ponto de hoje estar preparada para no legislativo, elaborar, cobrar e brigar, se for necessário, para haver mudanças.  Realizar um levantamento das demandas é necessário, mas, AGIR para solucionar essas demandas é fundamental.

DT Quais são suas prioridades se for eleita vereadora em Salvador?

Dion – A minha prioridade sempre foi a DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA, com foco em todos aqueles que vivem uma situação de exclusão e por consequência vulnerabilidade, e infelizmente a nossa comunidade LGBT está inserida nesta estatística que só envergonha uma sociedade que se diz avançar em políticas sociais. Acho que dar à luz à capacitação de LGBTs é fundamental, principalmente aos de baixo poder aquisitivo. Precisamos enquanto cidadãos nos impor para termos respeito, e direitos iguais se pautam por oportunidades iguais também.

DT Cite alguns projetos que você deseja levar à Câmara. Um vereador gay poderia ajudar na luta contra o preconceito? Como?

Dion – Na verdade qualquer pessoa que tenha respeito pelo próximo pode lutar contra essa doença chamada preconceito. Mas, um LGBT no legislativo poderá sim agir com mais fervor no que tange a extinguir as demandas sociais que atingem toda a nossa comunidade. A principal ferramenta é a VERDADE no que se propõe.

Eu, como citei, tenho como prioridade a dignidade da pessoa humana, Tenho projetos voltados para a terceira idade, onde vamos lutar para que essa camada da sociedade tenha um atendimento diferenciado nos centros de saúde, com uma ala exclusiva para idosos no Hospital Municipal que será em breve inaugurado. Vamos lutar pela discussão nos centros educacionais sobre a questão do Gênero e Diversidade, o que seria uma das ferramentas para inserir no jovem uma consciência real do respeito e tolerância pelas diferenças. Vamos lutar para dar aos Travestis e Transexuais uma formação profissional e um encaminhamento efetivo ao mercado de trabalho, bem como uma firmação do nome social em estabelecimentos público-privados…Ai é só uma pequena parte de nossa plataforma pois as demandas são enormes em todos os setores.

DT Você acredita que será eleita apenas com os votos dos LGBTs?

Dion – Acredito ser eleita por todos aqueles que acreditam em mim, que enxergam em mim uma voz não ouvida, uma ATITUDE esperada por muito tempo e que possa extinguir essa vergonha que aí está.

DT Adoção, casamento homoafetivo e criminalização da homofobia estão na ordem do dia da comunidade LGBT . E no seu projeto?

Dion – Sim, toda e qualquer demanda que seja para firmar nossa existência dentro da sociedade atual estará sempre em pauta para que as soluções sejam encontradas.

 

  • Marcelo Velloso

    Conheço DION a muitos anos e sei que fará um diferencial no legislativo, em prol dos menos favorecidos, por isso e muito mais, meu voto e de meus familiares, e de muitos amigos será dela. 77124

    • Dj edy ferraz

      Essa eu conheço. Já trabalhei com ela a 15 anos e sei que e pessoa seria

  • Ana Lucia Araújo

    DION não só eu, que tenho o maior respeito pelo seu trabalho e admiração pelo ser humano integro que vc é, pois desses mais de 30 anos que vc luta pelo LGBT, eu já acompanhou 20 anos dessa luta e posso e me sinto segura para falar e afirmar sobre toda sua caminhada, que é de grande importância pra todos nós da LGBT e para grande parte da sociedade,pois vc tb abraçou outras causas e que fizeram a diferença. Dion, repito não tem como negar a IMPORTÂNCIA COM GRANDE DIFERENCIAL no legislativo que vc terá e estamos confiante e acreditamos na sua Vitória, por essa será a nossa também. #VCNÓSREPRESENTADION #VCMEREPRESENTADION TE AMAMOS!