Protesto contra a proibição de doação de sangue por gays

Sem categoria
14 de junho de 2011
por Genilson Coutinho

Ato público marca Dia Mundial do Doador de Sangue.

Após o Ministério da Saude informar que será mantida a restrição de doação de sangue por gays e bissexuais, o Grupo Matizes e a Liga Brasileira de Lesbicas (LBL) irão realizar um ato público com o objetivo de chamar a atenção da sociedade à discriminação da proibição.

O protesto acontece nesta terça-feira, dia 14, a partir das 9h, no Centro de Hematologia e Hemoterapia do Piauí (Hemopi), situado na Zona Sul de Teresina.

“O Brasil é um dos países cujo percentual de doadores voluntários de sangue está muito abaixo do considerado razoável pela Organização Mundial de Saúde. Por isso, é inaceitável que se criem obstáculos para o exercício desse gesto voluntário”, disse Herbert Medeiros, representante do Grupo Matizes.

Segundo Marinalva Santana, articuladora do LBL, esta é a segunda ação da campanha Nosso Sangue pela Igualdadelançada por entidades LGBT em janeiro de 2011.

De acordo com o documento enviado pelo Ministério da Saúde ao Grupo Matizes e à LBL no último dia 3, a manutenção da restrição de doação de sangue tem base nos estudos epidemiológicos que consideram alto o índice de prevalência do vírus HIV entre os homossexuais.

A data do ato público coincide com o Dia Mundial do Doador de Sangue, comemorado todos os dias 14 de junho e visa conscientizar as pessoas sobre a importância da doação voluntária de sangue.

Fonte:  Grupo Matizes e a Liga Brasileira de Lesbicas (LBL)

Foto: Reprodução