Projeto “Tropicália: Régua e Compasso” recebe Tom Zé nesta quinta (8)

Música, No Circuito
8 de dezembro de 2016
por Genilson Coutinho

Um dos ícones do Tropicalismo, o cantor e compositor Tom Zé vai conversar com o público do projeto Tropicália: Régua e Compasso (A Bahia Cultural Pré-Tropicalista), nesta  quinta-feira (8), às 17h, no Palacete das Artes. Na Sala Contemporânea do espaço cultural será aberta  uma exposição que reunirá peças de artistas da música, da dança, e das artes visuais em evidência nos anos 60, como  Lina Bo Bardi , Walter Smetack, Yanka Rudzka, Carybé, Juarez Paraíso, Lênio Braga, Jenner Augusto, Pierre Verger além de fotos dos acervos de Lia  e Silvio Robatto, recentemente doados aó Centro de Memória da Bahia.

Idealizado pelo Centro de Formação em Artes da Fundação Cultural do Estado da Bahia, o projeto conta ainda com outras atrações gratuitas como palestras, debates, e diálogos relacionados com as diversas linguagens artísticas, além de apresentações musicais, durante todo o verão até março de 2017, ano em que serão comemorados os 50 anos da Tropicália.

Semanalmente às terças ou quintas feiras serão realizados os eventos “A Sopa de Maria” (rodas de conversa  com artistas que viveram o período) e “Essa Noite Se Improvisa” – palestras sobre a música popular e erudita produzida na Bahia na década em foco acompanhada de apresentações musicais. Todas as quartas feiras a partir de 9 de dezembro o “Cinema do Palacete” participa do projeto com uma programação especial de filmes da época intitulada “Uma Idéia na Cabeça”. A primeira sopa será no dia 20 de dezembro com a presença da atriz Maria Moniz, em cuja varanda de casa, no Jardim Baiano, intelectuais e jovens artistas se reuniam.

Com o objetivo de reconstituir a efervescência da cena cultural baiana anterior ao movimento, o projeto Tropicália: Régua e Compasso reuniu as três entidades viculadas à Secretaria de Cultura do Estado da Bahia: a Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb), o Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (IPAC) , e a Fundação Pedro Calmon (FPC).

SERVIÇO

TROPICÁLIA: RÉGUA E COMPASSO

Abertura: dia 8 de dezembro, às 17h. Bate-papo com Tom Zé e exposição.

Programação até março, às terças, quartas e quintas-feiras sempre a partir das 17h

A Sopa de Maria: terças-feiras : 20/12, 10 e 24/01, 7 e 14/02, 14 e 28/03

Uma Ideia na Cabeça: todas as quartas-feiras até 30/03

Essa Noite se Improvisa: Quintas-feiras: 5 e 19/01, 09/02, 23 e 28/03

Seminário e lançamento de revista: dias 29 e 30 de março de 2017