Projeto leva oficina de teatro para presídio feminino de salvador

Comportamento, Social, Teatro
20 de agosto de 2014
por Genilson Coutinho

dois

Internas do Conjunto Penal Feminino de Salvador, localizado na Mata Escura, estão participando desde o dia 4 de agosto de uma oficina de teatro. A atividade faz parte do projeto ‘Dialogando com a Liberdade’, idealizado pela diretora teatral Simone Requião.

O objetivo do projeto é dialogar e refletir sobre o universo feminino por meio de jogos teatrais. Inicialmente, 15 internas são beneficiadas com a oficina que trabalha com textos de escritoras femininas como, por exemplo, Clarice Lispector, Cecília Meireles e Maitê Proença.

“Esses textos servirão de estimulo para favorecer a reflexão e o diálogo sobre o universo feminino, o encarceramento e a vitimização que a mulher encarcerada sofre no sistema prisional e a dupla estigmatização impregnada na punição – perda da liberdade e distanciamento familiar”, afirma Simone Requião.

Contemplado no Calendário das Artes 2014, da Fundação Cultural do Estado da Bahia, entidade do Governo do Estado da Bahia, o projeto ‘Dialogando com a Liberdade’, além da oficina de teatro, irá gerar dois produtos artísticos: uma apresentação de cenas no próprio presídio e a gravação de 15 textos para serem disponibilizados em emissoras de rádio da capital baiana. O projeto segue até dezembro.