Prefeitura de NY recomenda masturbação na quarentena

Comportamento, Social
25 de março de 2020
por Genilson Coutinho

O Departamento de Saúde da cidade de Nova York elaborou um comunicado com orientações sobre práticas seguras de sexo durante o surto de coronavírus.

O documento recomenda a masturbação como a medida mais eficaz para evitar a propagação “especialmente se você lavar as mãos com água e sabão 20 segundos antes e depois”. E faz a ressalva:  “Você é o seu parceiro sexual mais seguro”.

| Foto: Drew Angerer / Getty Images
| Foto: Drew Angerer / Getty Images

Caso o cidadão prefira não adotar a primeira opção, as autoridades de saúde de Nova York afirmam que a segunda prática mais segura seria o “sexo com um parceiro que more com você”.

De acordo com o Departamento de Saúde de Nova York, é importante “evitar o contato próximo, incluindo sexo” com alguém que esteja em outra residência.

Após a publicação, o documento foi retirado do site da prefeitura de Nova York, sem uma justificativa oficial. Em resposta à revista americana Newsweek, o Departamento de Saúde ressaltou que suas recomendações estão sempre em atualização e, para evitar um tom alarmista relacionado ao tema, afirmou que “sim, está tudo bem em fazer sexo.”

O comunicado sugere ainda que o cidadão considere outras alternativas de interação como o sexo virtual por meio de câmeras ou trocas de mensagens.

Atualmente, ainda não existe uma comprovação da transmissão do coronavírus por meio de relações sexuais. No entanto, o contato próximo por si só já é um vetor de transmissão.

Deixe seu comentário

Sem comentários, seja o primeiro.