Prefeitura amplia investimento em editais culturais

No Circuito, Serviços
18 de agosto de 2015
por Genilson Coutinho

DSC_0408

Os interessados em participar dos editais Arte em Toda Parte – Ano III e Arte Todo Dia – Ano II já podem fazer a inscrição a partir desta quarta-feira (19) até o dia 2 de outubro, no site www.arteemtodaparte.salvador.ba.gov.br. As ações, promovidas pela Prefeitura por meio da Fundação Gregório de Mattos (FGM), foram lançadas nesta terça-feira (18), no Teatro Gregório de Mattos (TGM), com as presenças do prefeito ACM Neto, do secretário de Cultura e Turismo (Secult), Érico Mendonça, do presidente da FGM, Fernando Guerreiro, técnicos municipais e classe artística de Salvador. Em 2015, a iniciativa teve o incremento de R$1,2 milhão no orçamento em relação ao ano passado, totalizando R$4,1 milhões na intenção de dar continuidade às políticas culturais desenvolvidas pelo órgão municipal de fomento, além da democratização da produção cultural na cidade.

Fotos: Genilson Coutinho/Dois Terços

Fotos: Genilson Coutinho/Dois Terços

Um dos momentos mais emocionantes do evento foi o relato do ator e produtor de vídeo Lúcio Lima, aluno da Oficina de Elaboração de Projetos do Boca de Brasa, também promovido pela FGM, cujo projeto de um documentário que retrata o bairro de Saramandaia foi agraciado pelo Arte Todo Dia no ano passado. “Tinha esse sentimento de mostrar que o bairro é um local bonito, apesar de não ser bem visto pela mídia. Meu pai filmava sempre as coisas de Saramandaia e queria passar isso para outras pessoas. Graças à Prefeitura, à FGM e ao Boca de Brasa, consegui realizar esse sonho em parceria com outros jovens da comunidade. Minha vida mudou muito com essa experiência. Depois de 19 anos, consegui contar minha história”, salientou.

O prefeito ACM Neto afirmou que o lançamento dos editais é mais um passo de um grande trabalho que a Prefeitura está realizando na área cultural da cidade, e ressaltou a importância da iniciativa através do exemplo do jovem Lúcio. “Em cada bairro existe uma história a ser contada e um talento a ser descoberto. Sem a ajuda do poder público, isso tudo se perde. Onde o poder econômico não chega, é aí que deve entrar o poder público”, salientou.

DSC_0379

Ele ainda ressaltou o compromisso da Prefeitura em investir na área cultural da cidade, mesmo no período de crise. “Se as autoridades enxergassem a cultura como investimento e uma maneira de combater a desigualdade, poderiam salvar jovens da criminalidade, por exemplo. Por isso é que levamos muito a sério a política cultural na cidade e desejo que, no próximo ano, consigamos mais recursos para o Arte Todo Dia e Arte em Toda Parte”, complementou o prefeito ACM Neto.

O presidente da FGM fez questão de relembrar que a administração municipal tem conseguido reerguer a cultura em Salvador e voltar à situação de normalidade, após um período de abandono. “Além de gestor, também sou artista e fico emocionado em lançar pelo terceiro ano consecutivo essa política de fomento, que permite a participação de todos de forma democrática e transparente”.

DSC_0338

Funcionamento – Os editais têm como objetivo principal conceder apoio financeiro a projetos artístico-culturais de interesse público, com o objetivo de democratizar o acesso ao financiamento pela administração municipal e incentivar artistas, grupos, coletivos, produtores e instituições do campo da cultura. Neste ano, o orçamento destinado aos editais foi ampliado, alcançando ao total de R$4,1 milhões, divididos em R$3,6 milhões para o Arte em Toda Parte – Ano III e R$500 mil para o Arte Todo Dia – Ano II.

A ampliação de recursos do Arte em Toda Parte possibilitou o aumento também das modalidades de seleção. Este ano, a categoria Cultura Digital soma-se às outras 11 anteriormente estabelecidas, que são Artes Visuais, Audiovisual, Circo, Culturas Identitárias, Culturas Populares, Dança, Festivais, Fotografia, Literatura, Música e Teatro.

O edital vai contemplar três faixas de financiamento. A Faixa 1 contemplará 22 projetos com orçamento de até R$50 mil. A Faixa 2, no valor acima de R$50 mil até R$100 mil, vai atender o mínimo de 11 projetos. Por fim, a Faixa 3 vai beneficiar pelo menos sete projetos com orçamento acima de R$100 mil até R$200 mil. O período de execução será entre 15 de dezembro de 2015 e 30 de setembro de 2016.

Já o edital Arte Todo Dia – Ano II vai premiar projetos de pequeno porte realizados na cidade ao longo do ano. Assim como na primeira edição, a seleção será baseada na demanda espontânea, a partir do credenciamento de grupos e artistas soteropolitanos, sendo pré-requisito para a solicitação dos recursos. Das 26 propostas a serem premiadas, 15 delas receberão R$15 mil cada e as 11 restantes serão contempladas com R$25 mil cada. O período de execução é o mesmo do edital Arte em Toda Parte.

Cultura Viva – Na ocasião, o prefeito ACM Neto também falou sobre o edital Cultura Viva, que concede isenção fiscal de tributos municipais para empresas que investirem em projetos culturais na cidade. “O desejo era de que estivéssemos lançando hoje também o edital do Cultura Viva, mas a Procuradoria Geral do Município (PGM) indicou alguns ajustes a serem feitos. A FGM já está com a tarefa de concluir essa revisão em setembro, para que possamos enviar o projeto de lei à Câmara para aprovação em caráter de urgência e que, assim, possamos fazer o lançamento já no início do próximo ano”, explicou.