Por Dentro da Casas Conceito #6 Bahia de Todos os Santos

Serviços
27 de setembro de 2019
por Genilson Coutinho

No último fim de semana da Casas Conceito, que será encerrada nesse domingo, 29, sai o nosso boletim final, com os ambientes que tiveram como inspiração a nossa bela Baía de Todos-os-Santos, local escolhido pela empresária Andrea Velame para ancorar a mostra de arquitetura, decoração, paisagismo e lifestyle. Confira os ambientes!

 Paisagismo da Área de Eventos e Espaço Bimbarras – Licia Loureiro

 Para criar o paisagismo da Área de Eventos e do Espaço Bimbarras – que  divulga o novo empreendimento do grupo proprietário da Bahia Marina, a Ilha Bimbarras, na Baía de Todos os Santos –, a paisagista Licia Loureiro partiu da premissa de humanizar os espaços, tornando-os aprazíveis para lazer, contemplação e celebrações. A inspiração foi implantar um paisagismo que se adequasse a um público bastante eclético, respeitando e integrando os ambientes humanos com a natureza e com a identidade ambiental. Sendo assim, Licia criou uma paisagem tropical, tirando partido da proximidade do mar, praticamente uma extensão do ambiente. E essa proximidade influiu diretamente na vegetação especificada, que precisava estar adaptada ao solo salgado, resultado do aterro, e que não exigisse uma manutenção onerosa.

 EspaçoIlha Bimbarras – José Marcelino

 Tendo a água como norte, o arquiteto José Marcelino criou o Bar de Águas para o Espaço Ilha Bimbarras. A proposta, segundo ele, é passar a ideia do empreendimento Ilha Bimbarras Sítios de Praia, lançado durante a Casas Conceito. Para contar a história da ilha, ou melhor, do empreendimento, Marcelino construiu um espaço todo branco, com mobiliário de alumínio e cordas náuticas, também na cor branca. Duas paredes do ambiente são assinadas pela designer Tina Guedes que pintou à mão o mar que banha Salvador e os mapas da Ilha Bimbarras e o da Baía de Todos-os-Santos. Na varanda, uma parede assinada pela paisagista Licia Loureiro, indica um jardim vertical, com mesclado de espécies de plantas, mostrando a pluralidade da vegetação nativa da Ilha Bimbarras.

 Living Praia de Mar Grande – Daniela Lopes

A vista da Baía de Todos-os-Santos foi o primeiro ponto que a arquiteta Daniela Lopes procurou ressaltar quando começou a projetar o Living Praia de Mar Grande para a segunda edição da Casas Conceito. A arquiteta buscou utilizar produtos exclusivos, nunca expostos em mostras, como a mesa de jantar ‘Valentina’, da designer Valentina Flores, e o acabamento ‘Carvalho Lavado’, um lançamento que inclusive nunca havia sido fabricado. Outro produto inédito é a poltrona ‘Cuca’, de José Zanine Caldas, uma reedição executada em freijó maciço, considerada um ícone de estilo e design. Além destas peças do mobiliário, a arquiteta também usou uma forração inédita nas paredes que faz referência à palha, mas que na verdade é um tecido de algodão e juta, que substitui o papel de parede e traz muito aconchego ao ambiente.

 Espaço Baía de Todos-os Santos – Sotero Arquitetos

 Responsáveis pela criação do masterplan desta edição da Casas Conceito, Adriano Mascarenhas e Viviane Vieira, da Sotero Arquitetos, são autores também do Espaço Baía de Todos-os-Santos, um refúgio de praia urbana projetado numa área de 100 m2 para pessoas que apreciam um ambiente prático e aconchegante, numa relação de harmonia com o ambiente externo, neste caso, o mar. A inspiração surgiu da grande experiência que o escritório tem na criação de residências, especialmente no litoral brasileiro, para clientes dos mais variados perfis. Para projetar o ambiente, os arquitetos exploraram o uso de materiais em seu viés natural, optando por tons neutros e claros, apresentando um layout simples e elegante, que resulta em um espaço amplo e luminoso, de traços retos, características de seus projetos residenciais.

 Living com jantar Praia da Gamboa – Ana Paula e Ana Claudia Nonato

 O escritório baiano Dois A, das arquitetas Ana Paula e Ana Claudia Nonato, teve como ideia principal para criar o Living com Jantar Praia da Gamboa, na Casas Conceito, buscar o equilíbrio entre a personalidade homenageada, o DJ Alok, e a natureza, usando tecnologias e linhas essenciais da arquitetura para criar um espaço aconchegante e contemporâneo. No ambiente foram utilizados grandes painéis de vidro, que permitem a entrada de luz natural no espaço, que funciona como um grande quadro pensado para valorizar a maravilhosa vista para o mar.