Pessoas candidatas LGBTI+ fazem formação política e se preparam para campanhas

Notícias
14 de setembro de 2020
por Genilson Coutinho

A Aliança Nacional LGBTI+ finalizou o Curso Virtual de Formação de Candidaturas LGBTI & Aliadas e certificou participantes. O curso reuniu candidaturas LGBTI’s de todo o Brasil, além de ter contado com a participação de assessores de campanha e estudiosos da área política, contando com mais de 300 inscrições. Dentre os temas abordados no decorrer do curso encontram-se Marketing Eleitoral, Prestação de Contas, Organização de Campanha, Políticas Públicas Pró LGBTI’s, Como reagir ao Discurso de ódio e a Fake News, etc. Os temas foram voltados para a orientação das candidaturas afim de que tenham uma atuação mais qualificada durante o pleito e em sua possível administração de mandato. O Curso Virtual de Formação de Pessoas Candidatas do Programa Voto com Orgulho é uma realização da Aliança Nacional LGBTI+, aconteceu entre os dias 31 de Julho e 28 de Agosto, contando com a coordenação geral de Cláudio Nascimento, Diretor de Políticas Públicas da Aliança Nacional LGBTI+ e Coordenador Executivo do Grupo Arco-Íris e da Assessoria de Coordenação de Gregory Rodrigues Roque de Souza, Coordenador Titular da Aliança Nacional LGBTI+ em MG, contando com um corpo de docentes especialistas da área jurídica, propaganda e marketing, sociologia, filosofia, jornalismo, contabilidade, pedagogia, tecnologia digital, que se dividiram em 12 encontros realizados em salas virtuais para ministrarem as seguintes aulas:

● Crise do Covid-19, Cidadania LGBTI, Direitos Humanos e Democracia: Desafios para as Eleições Municipais de 2020

● Estratégias de Advocacy e Panorama das Políticas Públicas e Direitos LGBTI no Brasil: Avanços e desafios. Apresentação da Carta da Diversidade – Plataforma de Litigância Estratégica no Legislativo, Judiciário e Executivo.

● Como planejar uma campanha eleitoral? O Beabá das eleições

● Como ganhar votos utilizando as mídias sociais? Como a experiência do Partido Podemos da Espanha pode influenciar de maneira positiva uma campanha?

● Como vencer as eleições sendo LGBTI+? Experiências de parlamentares municipais eleitos por dois mandatos para influenciar positivamente.

● Representatividade de Corpos e Pautas LGBTI na Política: LGBTI+ como bandeira principal em uma campanha eleitoral, certo ou errado?

● Aspectos jurídicos de uma campanha eleitoral: Mudanças legais, Pré-campanha, financiamento coletivo, cálculo de vagas e cota de gênero, convenção partidária, propaganda e prestação de contas

● Bate – papo: Eleições Municipais 2020: Violência Política e Discurso de Ódio

● O Beabá da comunicação nas Mídias Sociais – aspectos técnicos, conteúdos e relacionamento com internautas no processo eleitoral

● Refletindo sobre o trabalho em equipe na campanha eleitoral: coordenação, agenda, equipes de organização e divulgação da campanha, acompanhamento e monitoramento das etapas da campanha.
Na composição do referido corpo de docentes temos:

● Toni Reis: Diretor Presidente da Aliança Nacional LGBTI+

● Cláudio Nascimento: Diretor de Políticas Públicas da Aliança Nacional LGBTI+ e Coordenador Executivo do Grupo Arco Íris / RJ

●Julian Rodrigues: Jornalista, Mestre em Ciências Sociais e Integrante do Conselho Consultivo da Aliança Nacional LGBTI+.

● Beto Vasquez: Consultor em Comunicação Digital no Brasil, Espanha e América Latina, Assessor político do Secretário Geral do Partido Podemos, Pablo Iglesias (atual Vice-Presidente Espanhol), Analista político em diversos meios de comunicação digitais nacionais e internacionais, Administrador formado na USP, Mestre e Doutorando em Ciência Política-UCM (Universidade Complutense de Madrid), Gestor público por 8 anos no Brasil

● Verônica Lima (PT/RJ): Vereadora pela cidade de Niterói – Rio de Janeiro

● Fábio Felix (PSOL/DF): Deputado Distrital do Distrito Federal / DF

● Everlei Martins (PCdoB/RS): Vereador pela cidade de Cruz Alta – RS

● Dr. Eduardo Rodrigues: advogado especialista em direito público e eleitoral, Mestre em Políticas Sociais e Cidadania, foi presidente da Comissão de Direitos Humanos da OAB Bahia por 2 mandatos e atualmente atua na Comissão Nacional de Agronegócio do CFOAB.

● Evorah Cardoso: professora, ativista, Co-Diretora da ONG MeRepresenta e VoteLGBTI

●Thayna Yaredy: advogada especializada em Direitos Fundmentais pela Univesidade de Coimbra, Mestranda em Ciências Sociais e Humanas, e Asssessora de Projetos da ONG Conectas e Colaboradora dos Coletivos MeRepresenta e Tretaqui.org

● Márcia Villela: Relações Públicas, especialistas em Mídias Sociais e Relacionamento com o Cliente, CEO da Target Assessoria de Comunicação.

Para Toni Reis, Diretor Presidente da Aliança Nacional LGBTI+, “o curso tem grande importância pois fortalece e qualifica o processo de representatividade e participação política de pessoas LGBTI’s candidatas na política e nos partidos. Estamos muito contentes com o resultado do curso e com a participação de todas as pessoas cursistas. A Aliança Nacional LGBTI é uma organização não governamental de promoção da Cidadania LGBTI e possui em seu quadro de filiadas, pessoas de diversos partidos políticos. Defendemos a importância de termos pessoas LGBTI+ na arena política e nos espaços de poder para dar visibilidade as nossas pautas e contribuir com o debate de cidadania e direitos para toda a população”.

Já de acordo com o Coordenador Geral, Claudio Nascimento, “o curso foi estratégico para a formação e a troca de experiências entre as pessoas candidatas e também para formar uma rede de apoio de caráter pluripartidário. Este curso faz parte do Programa Voto com Orgulho, um programa que tem 5 pilares de atuação: o cadastro de todas as candidaturas LGBTI+, a produção de um levantamento demográfico, social e político das pessoas candidatas, além disso, o curso realizado, uma central para receber denúncias de fake news e discursos de ódio contra candidates ou contra a comunidade LGBTI+, prestando ainda suporte as candidaturas oficializadas. Por último, a estratégia também será colher de todas as candidaturas oficializadas a adesão à plataforma “Compromisso pela Cidadania LGBTI+”, que será lançada no próximo dia 20 de setembro de 2020. Assim, contribuímos de maneira efetiva para o fortalecimento da participação de LGBTI nas Eleições Municipais de 2020”.

O assessor da coordenação, Gregory Rodrigues, expressou também sua visão sobre o curso em questão: “Além de estratégico e importante, o referido curso despontou como um divisor de águas, como uma arma a mais para vencermos os fantasmas dos retrocessos e do apagamento há muito imposto a comunidade LGBTI+ na política, contribuindo ainda para a garantia plena do estado democrático de direito”

Deixe seu comentário

Sem comentários, seja o primeiro.