Personalidades públicas e anônimos LGBTI+ contam como descobriram a LGBTIfobia

Notícias
18 de maio de 2020
por Genilson Coutinho

O youtuber baiano do canal Herdeira da Beleza e maquiador, Tássio Santos , notou a existência da LGBTfobia quando percebeu que não estava sendo ele mesmo.
Em comemoração ao Dia Internacional Contra a LGBTIfobia, a startup sem fins lucrativos Todxs Brasil lançou ontem (17) a hashtag #EuDescobriALGBTIfobiaQuando (“Eu descobri a LGBTIfobia quando) para dar visibilidade aos casos de preconceito cotidiano sofridos pela comunidade LGBTI+. Diversas personalidades e usuários compartilharam seus relatos nas redes sociais.
O ator Silvero Pereira, uma participante do reality The Circle Brasil, além de youtubers e influencers utilizaram a hashtag #EuDescobriALGBTIfobiaQuando 

O ator Silvero Pereira descobriu o preconceito contra a comunidade quando era criança.

Tal data celebra a decisão da Organização Mundial da Saúde (OMS) de retirar a homossexualidade da Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados com a Saúde (CID), no dia 17 de maio de 1990. Dessa forma, sentir atração sexual pelo mesmo gênero deixou de ser considerada uma doença. 
A data é ainda mais importante este ano no país, já que em 2019 o STF tornou crime a homotransfobia. 

Deixe seu comentário

Sem comentários, seja o primeiro.