Patricia Marx aparece sensual e gótica no clipe de “You Showed Me How”

Música, No Circuito
24 de maio de 2018
por Genilson Coutinho

 

Com figurinos sexy e góticos, Patricia Marx lança clipe de “You Showed Me How”, primeiro single de seu próximo disco. O filme mostra o amadurecimento musical e pessoal da artista. “Sou o feminino mutante e corajoso. Aquele que tem a capacidade de se refazer quantas vezes for possível”, analisa Patricia. Esse é o primeiro clipe desde “Espelhos d’água”, lançado em 2013, em dueto com Seu Jorge.

David Pollak, stylist do clipe, foi criador da D`Arouche, única marca brasileira na produção de moda do filme Sexy In The City, vestindo a atriz Sarah Jessica Parker, e tem na bagagem dez anos de Cavalera, como stylist  e estilista da marca. O novo visual traz a assinatura dele e marca as mudanças da artista, que começou a carreira musical ainda na infância. A beleza é de Lili Ferraz, conhecido por cuidar de Gisele Bündchen.

 

A faixa foi composta com Herbert Medeiros (Serial Funkers) e Robinho Tavares (Gal Costa, Ed Motta, Jorge Ben Jor). A letra em inglês foi escrita pelo jamaicano Marc Mac, parceiro recorrente da artista e membro do grupo britânico 4Hero, com o qual ela também já colaborou.

Patricia Marx já lançou 12 álbuns de estúdio e vendeu mais de 3 milhões de discos.  Em ‘Trinta’ (2013), Patricia contou com a colaboração de Seu Jorge na releitura de Espelhos d’água, que figurou na lista das músicas mais tocadas daquele ano.

O clipe por Patricia Marx

“Sou o feminino mutante e corajoso. Aquele que tem a capacidade de se refazer quantas vezes for possível. O mergulho intenso, sem medo de perder a sanidade pela busca interna e pelo autoconhecimento. Sou a ascensão da entrega de ultrapassar barreiras, de ser intensa sem medo, ou chamada de louca. Não sou pouca, sou toda muito. Sou um fim e também sempre um começo, infinito.

Fênix lunar, feminino, poder, sensível, força, profunda, sombra, transparência, vicissitudes, medo, coragem, angústia, deboche, depressão, sexo, turmalina negra, branco, sal, ausência, vazio, útero, seios, gozo, leite, sangue, ciclos, separação, divórcio, morte e renascimento; superação, vôos e recomeços. Pura, puta, divina, crua, bruxa, d’Arc, gótica, santa, menina, telúrica.”

Clipe  “You Showed Me How”

Ficha técnica
Direção: Ricardo Frei

Produzido por: Poliphonia88
Direção de Fotografia: Biga Pessoa
Concepção / Direção de Arte: Ricardo Frei, Sergio Martins
Edição / Efeitos Visuais: Ricardo Frei
Coordenação de Produção: Fernando Tubarão
Assistência de Produção: Carla Jarra
Styling / Figurino: David Pollak
Assistente de Figurino: Kato Pollak
Beauty / Maquiagem: Lili Ferraz
Agradecimentos: Galeria de Arte Solange Viana

LETRA
You Showed Me How
[P. Marx, H. Medeiros, R. Tavares, M. Mac]

 

You were a silver lining of my heart

And now we’re far apart

How can you leave me?

You showed me how

You showed me how

I’m in too deep

You were the sun that filled my open sky

You were my reasons why

How can you leave me?

You showed me how

You showed me how

Baby, why her?

I should have seen the way she made you smile

I should have realized

You didn’t need me

You showed me how

You showed me how

When love’s golden arrow fades

I’ll take my wings and fly away

When love’s golden arrow fades

I’ll take my wings and fly away

And now you are the sparkle in her eyes

And all the tears in my falling sunrise

You showed me how

You showed me how

I held too tight

I gotta open up these wings and fly

These wings will fly

They’ll fly away from all your hurt and lies

So, this is why

You should have told me, you know she stole my

smile

You should have told me, you know she stole my

smile

She stole the reason why, this is the reason why

You should have told me

When love’s golden arrow fades

I’ll take my wings and fly away

When love’s golden arrow fades

I’ll take my wings and fly away