Paternidade é o tema do quarto episódio da Websérie Família no Plural

Sem categoria
10 de agosto de 2013
por Genilson Coutinho

Em clima de dia dos pais, a Websérie Família no Plural apresenta seu quarto episódio, que discute a idéia de paternidade. O episódio apresenta entrevistas com João W. Nery, considerado o primeiro transexual masculino do país a passar por uma intervenção cirúrgica; e com Vera Moris, coordenadora do grupo Homopater, que reúne pais que saíram de relacionamentos heterossexuais e assumiram sua homossexualidade. Duas experiências e dois relatos que apresentam formas plurais de se vivenciar a paternidade.

“Eu sempre quis ser pai. Nunca pensei em ser mãe. E quando surgiu essa oportunidade, aos trinta e sete anos (…) eu abarquei essa idéia, era minha chance de seu pai”. É assim que João começa a descrever sua visão de paternidade, que extrapolaria o vinculo sanguíneo. Ele ainda reforça como sua condição de homem-trans foi importante para passar valores mais plurais para seu filho, experiência que também é relatada em seu livro “Viagem Solitária”.

De outro lado, Vera Moris apresenta os principais dilemas dos pais que frequentam o grupo Homopater; relata as principais dificuldades enfrentadas pelos pais no processo de se assumirem homossexuais para suas mulheres e filhos; aponta como os filhos lidam com essa nova condição familiar; e sintetiza o histórico da iniciativa, que existe desde 2007.

Confira o episódio na íntegra aqui:


Sobre a websérie

Composta por 05 episódios, a primeira temporada da série busca fazer um mosaico inicial sobre diferentes formas de constituição de laços afetivos, e que buscam ampliar a idéia tradicional de família. O projeto, que é realizado por um coletivo de estudantes e profissionais das cidades de São Félix e de Salvador-BA, com o apoio da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, do Portal Dois Terços e com o patrocínio da Fundação Cultural do Estado da Bahia, através do Calendário das Artes.