Passei a cuidar mais dele ainda”, diz Acelino Popó sobre filho gay

Notícias, Slider
18 de julho de 2018
por Genilson Coutinho

Foto: Reprodução Instagram

Em entrevista ao Super Pop na última segunda (16), o ex lutador Popó Feitas falou da sua relação com seu filho e como lidou e lida com a descoberta da orientação sexual de Juan. “Vocês estão acostumados a ver o bruto, o cara lá trocando soco, dando porrada, suado”, diz o ex-pugilista Popó sobre a forma como o vêem. “O que eu fazia era em cima do ringue, fora do ringue eu sou totalmente diferente”, diz o ex-lutador, ao falar sobre a boa relação com o filho homossexual, Juan. “Quando a gente conversou e ele falou pra mim da sua orientação, eu respeitei como pai, amei e passei a cuidar mais dele ainda.” Juan elogia o pai: “Essa leveza que ele passa é o equilíbrio da família”.
O lutador também comentou como agiria seu pai se ele, Popó, fosse gay, o ex-pugilista não pensa duas vezes: “Acho que meu pai me botaria pra fora de casa. Primeiro me dava um pau, bem dado, depois me botaria pra fora de casa.” Acelino Popó Freitas justifica sua resposta: “Meu pai era muito machista, meu pai achava que trocar de mulher era ser homem”.

O baiano  comentou sobre o clipe polêmico em que o cantor Nego do Borel aparece beijando um modelo e revelou que ele também já havia beijado um homem durante uma festa em sua casa. “Uma vez eu dei um beijo desses que o Borel deu em um homem apostando três iPhones […]Foi a pior experiência que eu tive na minha vida, pelo fato de ser hétero, pelo fato de gostar de mulher”, declarou