Palacete das Artes sedia a nona Mostra Cinema e Direitos Humanos no Hemisfério Sul e apresenta a mini-série “Decálogo

Cinema
2 de março de 2015
por Genilson Coutinho

O Cinema do Palacete das Artes vai sediar, de 3 a 6 de março, a 9ª Mostra Cinema e Direitos Humanos no Hemisfério Sul. Serão exibidos os filmes “Cabra marcado para morrer” e “Rio Cigano”, com sessões às 15h, para pessoas com deficiência visual e auditiva e às 17h, aberta ao público.
“Cabra marcado para morrer” é um dos melhores documentários realizados no Brasil, do diretor Eduardo Coutinho. Em 1964, o CPC da UNE inicia um filme sobre a vida de João Pedro Teixeira, líder da Liga Camponesa de Sapé (PB), assassinado por latifundiários, que inclui uma reconstituição ficcional do evento político que levou à sua morte. A viúva de João Pedro, Elizabeth, e outros camponeses participam das filmagens. Mas os trabalhos são interrompidos por conta do golpe militar e 17 anos depois, Coutinho retoma o projeto e vai atrás dos personagens, encontrando Elizabeth na clandestinidade e sem contato com muitos de seus filhos.
A segunda exibição, “Rio Cigano”, fala de uma cigana, Kaia, que atravessa mundos para salvar sua grande amiga de infância de uma condessa sanguinária. O filme trata do universo cigano poucas vezes retratado no cinema.
Nas semanas seguintes, de 11 a 27 de março, é a vez de apresentar a mini-série em 10 capítulos de ‘”Decálogo, de Krzysztof Kieslowski”. A série é formada por dez histórias independentes, inspiradas nos dez mandamentos, e passadas num conjunto habitacional em Varsóvia, Polônia. Seus personagens enfrentam problemas cotidianos, apresentando profundas questões existenciais sobre amor, culpa, solidão, amizade, tristeza, medo, colocando em xeque o sentido da condição humana.
A entrada é gratuita. Mais informações no Setor Educativo do Palacete: 71 3117 6986 ou na página do facebook: palacetedasartes.

Acompanhe a programação:
Mostra Cinema e Direitos Humanos no Hemisfério Sul
3 a 6 de março 2015

Dia 3 (terça feira)
Cabra marcado para morrer
Direção: Eduardo Coutinho – Brasil, 1984
Gênero: Documentário
Horário: 15 horas
Sessão especial para pessoa com deficiência visual
Dia 4 (quarta feira)
Cabra marcado para morrer
Horário: 15 horas – para pessoa com deficiência auditiva
Horário: 17 horas – Sessão para todos
Dia 5 (quinta feira)
Rio Cigano
Direção: Júlia Zakia – Brasil, 2013
Gênero: Fantasia
Horário: 15 horas – para pessoa com deficiência visual
Dia 6 (sexta feira)
Rio Cigano
Horário: 15 horas – especial para pessoa com deficiência auditiva
Horário: 17 horas – Sessão para todos

11 a 27 de março – Mini-série em 10 capítulos de ‘”Decálogo, de Krzysztof Kieslowski
Dia 11 (quarta feira), às 17h
Decálogo 1: Amarás a Deus Sob Todas as Coisas
Decálogo 2: Não Invocarás o Santo Nome de Deus em Vão
Dia 13 (sexta feira), às 17h
Decálogo 3: Guardarás Domingos e Festas de Guarda
Decálogo 4: Honrarás Pai e Mãe
Dia 18 (quarta feira), às 17h
Decálogo 5: Não Matarás
Decálogo 6: Não Cometerás Adultério
Dia 20 (sexta feira), às 17h
Decálogo 7: Não Roubarás
Decálogo 8: Não Levantarás Falsos Testemunhos
Dia 25 (quarta feira), às 17h
Decálogo 9: Não Desejarás a Mulher do Próximo
Decálogo 10: Não Cobiçarás Coisas Alheias
Dia 27 (sexta feira), às 17h
Ainda Vivo, Um Filme Sobre Kieslowski
Documentário em Cores e Preto e Branco, 80 minutos