O chocolate que faz bem para a saúde

Sem categoria
19 de abril de 2011
por Genilson Coutinho

Durante a Páscoa é praticamente impossível não cair na tentação de consumir pelo menos um chocolatinho. O excesso pode acabar prejudicando todos os esforços feitos para manter a boa forma no decorrer do ano. Mas será que existe algum chocolate bom para a saúde e que não engorde? Mauro Scharf, endocrinologista do Image Memorial/ DASA (referência para o segmento de medicina diagnóstica na região), afirma que sim.

A saída para o endocrinologista é o chocolate amargo. Pesquisas científicas revelam que o alimento protege o coração, ajuda a prevenir o diabetes tipo 2, reforça as defesas do corpo e ainda auxilia no controle do apetite. Scharf explica que o chocolate amargo, por conter mais cacau, tem uma alta concentração de flavonóides encontrada no fruto. “Dentre todos os tipos, o chocolate amargo é o que mais contém esse tipo de substância. Por isso, ele é o único que pode ter um bom impacto na saúde”, afirma.

Os chocolates meio amargos, compostos pelas chamadas catequinas, agem nas artérias e produzem óxido nítrico, um vasodilatador natural. “Assim a camada interna das artérias fica mais flexível, gerando a queda da pressão”, afirma. Para isso acontecer é necessário que o consumo do alimento seja diário. A indicação do endocrinologista é de 30 a 40 gramas. “A queda de pressão também diminui o risco de morrer de AVC ou do coração”, explica.

Devido à alta concentração de cacau o chocolate amargo também alimenta mais que os outros, saciando a fome. Tudo isso comprovadamente sem se ter alterações no peso, nas taxas de açúcar e gordura na circulação.

Foto: Reprodução