Nova gestão do DIADORIM quer fortalecer participação coletiva em suas ações

Sem categoria
26 de abril de 2012
por Genilson Coutinho

Criação e manutenção da revista internacional Sexualidades – cultura, política e arte, com versões on-line e impressa, e a institucionalização da biblioteca Cássia Heller.

Essas são algumas ações prioritárias da nova gestão do Núcleo de Estudos de Gênero e Sexualidade (Nugsex Diadorim) da UNEB, que foi nomeada oficialmente na última  quinta-feira (19) para o biênio 2012-2014.

“Pretendemos criar ainda o Programa de Pós-Graduação em Antropologia no Campo de Estudos de Gênero e Sexualidade, e ampliar e interiorizar o número de pesquisas e de pesquisadores participantes do Diadorim”, sinalizou Osvaldo Fernandez, coordenador do núcleo.

Para Eide Paiva (foto), que completa com Marco Martins a coordenação colegiada do Diadorim, a nova gestão vai dar continuidade à política de fortalecimento dos campos do gênero e da sexualidade, e instituir uma política científica de produção e difusão de conhecimentos no seu campo de atuação.

“Para isso, estamos investindo em diálogo e em parcerias. Acreditamos e defendemos princípios que primam pela gestão participativa, colaborativa e, sobretudo, solidária. Somos da política do afeto”, reforçou Eide.

Eleição unânime

Osvaldo salientou que a nova coordenação foi eleita por unanimidade pelos integrantes do colegiado do Diadorim, e que em toda primeira sexta-feira de cada mês haverá reunião de coordenação, com a participação do colegiado, formado por pesquisadores da UNEB e de outras instituições.

Eide Paiva complementou: “Ficamos felizes com o reconhecimento daqueles que nos confiaram a coordenação do Diadorim. O desafio será grande, mas temos a tranquilidade de saber que contamos com o apoio institucional e com o compromisso de todos os novos membros”.

A nova gestão já está à frente do núcleo desde março. Nesse mesmo mês, o Diadorim, em parceria com o Grupo Gay da Bahia (GGB), promoveu sua primeira ação em 2012, o Seminário pela Eliminação de Todas as Formas de Violências contra as Mulheres Heterossexuais, Bissexuais, Transexuais, Travestis e Lésbicas, em comemoração ao Dia Internacional da Mulher.

Fique por dento do  DIADORIM