Natura lança Kaiak Oceano, fragrância que é um verdadeiro tributo ao oceano

In Moda
5 de outubro de 2020
por Genilson Coutinho
“Ouça o Chamado do Oceano” é um convite para mergulhar na imensidão do fundo do mar e refletir sobre novas formas sustentáveis de lidar com a poluição das águas

Kaiak Oceano, lançamento da Casa de Perfumaria do Brasil, é um mergulho na imensidão do fundo do mar. Desde 1996, Kaiak se inspira no universo aquático e marinho para seu portfólio refrescante. A nova fragrância traz também este universo aquático, porém propõe novas formas sustentáveis e viáveis de lidar com a poluição dos oceanos. Trata-se de uma fragrância que traz a sensação de um mergulho profundo no mar em embalagens feitas com plástico retirado do litoral.

Uma proposta para um mundo com mais beleza e menos lixo, o novo Kaiak Oceano traz a sensação refrescante do mar pelo complexo aquoso com o colorido das algas marinhas e da pataqueira, ingrediente da biodiversidade brasileira, que se encontram com madeiras marcantes de cedro e patchouli. Sua gota olfativa é aromática e moderada, perfeita para o dia a dia. O lançamento faz um convite para um olhar mais consciente sobre o lixo e o impacto que ele tem sobre as águas, dando luz a um dos temas mais sensíveis e alarmantes do momento: a poluição dos oceanos.

Cerca de 50% da maior peça plástica que compõe a embalagem do produto, os chamados “ombros” da fragrância, é feita de plástico reciclado – os frascos de todas as fragrâncias do portfólio de Kaiak já são feitos com até 30% de vidro reciclado. Parte desse plástico reciclado, cerca de 8%, vem do litoral, coletado por cooperativas. Desta forma, a marca fomenta a cadeia de reciclagem do material, ajudando a evitar que chegue a um de seus destinos mais comuns: o oceano. O restante é retirado de aterros sanitários. Além disso, o filme plástico que envolve os cartuchos do novo Kaiak Oceano foi eliminado para reduzir ainda mais o uso do material. Agora, a caixa do produto é mais resistente e o lacre é feito com cola. O filme plástico, assim como qualquer outro plástico de uso único, como copos e canudos, é um material utilizado por poucos minutos e de forma individual, mas que leva milhares de anos para se decompor.

Com a iniciativa, cerca de 6 toneladas de plástico reciclado, considerando volumes projetados para um ano, serão utilizadas – o que equivale a 3 milhões de tampas de garrafas de água. Se colocadas em comparação, as tampas formam uma distância capaz de cruzar o Brasil de norte a sul.

Sobre a fragrância

Kaiak Oceano Masculino

O fascínio que a imensidão azul dos oceanos desperta em nós. Sua fragrância remete ao poder e ao mistério do fundo do mar. Um complexo aquoso marcante ganha ainda mais personalidade ao conviver com as notas frescas de algas marinhas naturais do oceano atlântico e da Pataqueira, ingrediente da biodiversidade amazônica. Ela então se intensifica à medida que vamos mergulhando mais fundo: a densidade do âmbar marinho e das madeiras traduzem o universo submarino de tons mais escuros e misteriosos. É fragrância, mas poderia ser mergulho.

GOTA OLFATIVA

Saída: Complexo Aquoso, algas marinhas.

Corpo: Blend Aromático Salgado (pataqueira, sálvia esclareia, gerânio, lavanda)

Fundo: Âmbar Marinho, madeiras (patchouli e cedro), musgo

Preço sugerido: R$ 121,90 (100 ml)

Deixe seu comentário

Sem comentários, seja o primeiro.