Natura conquista selo UEBT para a linha Ekos

Serviços
19 de junho de 2018
por Genilson Coutinho
A Natura recebeu hoje, em Paris, uma nova certificação internacional da UEBT (União para o Biocomércio Ético) para seu sistema de abastecimento ético de ingredientes naturais nos produtos da linha Ekos. O novo selo reforça os três pilares que norteiam os negócios da empresa: comércio justoconservação da biodiversidade brasileira relacionamento de confiança com a comunidade.

A UEBT é uma organização sem fins lucrativos que promove o abastecimento com respeito. A organização foi criada após uma iniciativa da Unctad (Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento) para promover o uso de ingredientes naturais, respeitando as pessoas e a biodiversidade durante seu processo de extração. A UEBT, da qual a Natura é membro-fundadora, apoia e verifica os compromissos das empresas com a inovação e o manejo de ingredientes de forma a contribuir para um mundo no qual as pessoas e a biodiversidade prosperam.

O novo selo UEBT, que estará nas embalagens dos produtos Ekos a partir de setembro, reconhece as duas décadas de trabalho da Natura com a biodiversidade brasileira, por meio de iniciativas como o Programa Amazônia. O selo confirma que todos os ingredientes vegetais da formulação dos produtos Ekos passaram por um sistema que avalia princípios e práticas que garantem a manutenção dos ecossistemas, repartição justa dos benefícios pelo uso da biodiversidade e do conhecimento tradicional associado, respeito pelas condições de trabalho, geração de renda e desenvolvimento local, entre outros pontos.

“Em 2000, quando a Natura lançou a marca Ekos, fomos pioneiros no uso de ativos da biodiversidade brasileira, unindo o melhor da natureza e da ciência em produtos cosméticos de qualidade incontestável. Uma década depois, esse compromisso foi fortalecido com o Programa Amazônia, que já movimentou mais de R$ 1 bilhão em negócios na região, garantindo a viabilidade de um modelo de negócios em que a floresta vale mais em pé do que derrubada”, afirma Andrea Alvares, vice-presidente de Marketing, Inovação e Sustentabilidade da Natura. “Agora, renovamos esse protagonismo ao atestar e comunicar às nossas consultoras e consumidores as práticas éticas e sustentáveis de abastecimento desses ingredientes, garantindo a conservação da floresta e, ao mesmo tempo, gerando renda para as comunidades locais”, conclui.

“O que diferencia a nova certificação UEBT é que ela abrange todo o sistema ético de uma marca, validando a incorporação de requisitos da UEBT em seus sistemas de inovação e fornecimento de ingredientes naturais”, afirma o diretor executivo da UEBT, Rik Kutsch Lojenga. “Como parte dos requisitos de certificação, as marcas também verificam se práticas éticas de fornecimento são implementadas ao longo das cadeias de fornecimento de seus ingredientes naturais”.

A cerimônia de lançamento do novo selo foi realizada em conferência anual em Paris sobre abastecimento com respeito, promovida pela UEBT. Entre os debates realizados, o evento contou com diálogo entre Andrea Alvares e a líder comunitária Josineide Malheiros, sócia-fundadora da Associação dos Trabalhadores Agroextrativistas da Ilha das Cinzas (ATAIC), no Pará, sobre a história da marca Ekos e do relacionamento da Natura com as comunidades da região amazônica.

Certificação de ingredientes da biodiversidade brasileira

Além da obtenção do selo UEBT para o sistema de abastecimento de ingredientes naturais da linha Ekos, a Natura também obteve em 2018 a recertificação, pela UEBT, do sistema de verificação de suas cadeias de relacionamento direto, em um processo que envolve 70 ingredientes, como ucuuba, murumuru e andiroba, e 34 comunidades agroextrativistas fornecedoras.

Essa certificação é a maior garantia da UEBT de que os ingredientes são obtidos com respeito às pessoas e à biodiversidade. As auditorias de certificação são realizadas em todas as comunidades fornecedoras, cooperativas, associações e famílias de produtores das quais a Natura adquire seus ingredientes da biodiversidade brasileira. A certificação é baseada em uma abordagem inovadora desenvolvida em 2016 entre a UEBT e a Natura, combinando o padrão Ethical BioTrade da UEBT com os requisitos rigorosos de fornecimento da Natura.

Entenda a criação do selo

Sobre a Natura

Fundada em 1969, a Natura é uma multinacional brasileira de higiene e cosmética. Líder no setor de venda direta no Brasil, com mais de 1,7 milhão de consultoras, faz parte da Natura &Co, resultado da combinação entre as marcas Natura, The Body Shop e Aesop – que registrou R$ 9,9 bilhões de receita líquida em 2017. Foi a primeira companhia de capital aberto a receber a certificação B Corp no mundo, em dezembro de 2014, o que reforça sua atuação transparente e sustentável nos aspectos social, ambiental e econômico. Com operações na Argentina, Chile, Colômbia, Estados Unidos, França, México e Peru. Produtos da marca Natura podem ser adquiridos com as consultoras Natura, pelo Rede Natura, por meio do app Natura ou em lojas em São Paulo, Rio de Janeiro, Paris, Nova York, Santiago e Buenos Aires. Para mais informações sobre a empresa, visite www.natura.com.br e confira os seus perfis nas redes sociais: LinkedInFacebookInstagramTwitter e YouTube.