MinC consolida parceria para ampliar do Teatro Castro Alves

Sem categoria
27 de fevereiro de 2012
por Genilson Coutinho

Na última sexta-feira, 24, o secretário de Fomento e Incentivo à Cultura (Sefic) do Ministério da Cultura, Henilton Menezes, e a chefe da Representação Regional da Bahia, Monica Trigo, estiveram reunidos em Salvador com o secretário de Cultura da Bahia, Albino Rubim, a fim de discutir a ampliação e requalificação do Teatro Castro Alves (TCA), considerado símbolo das artes e da arquitetura baiana.

A iniciativa é a continuação da parceria já firmada pela ministra Ana de Hollanda com o governador Jaques Wagner, no início de fevereiro, quando ela conheceu o projeto do novo TCA, apresentado pelo músico Carlinhos Brown em comemoração aos 45 anos do complexo.

Em pauta, a discussão das possibilidades de ações conjuntas para a concretização do projeto. “É preciso desenhar uma composição que dê ao MinC a oportunidade de apoiar a ação, o que pode se dar através de três mecanismos: o incentivo fiscal, o Fundo Nacional da Cultura (FNC) e as emendas parlamentares. Essa é uma das possibilidades”, disse Henilton Menezes.

O secretário alertou ser necessário que se inicie um trabalho de diálogo com o empresariado local para alocar recursos da renúncia fiscal no caso de ser apresentado projeto ao mecanismo de mecenato da Lei Rouanet. Também citou exemplos de outras parcerias realizadas em conjunto com o MinC, como a recuperação da Ponte Hercílio Luz, em Florianópolis.

“O Teatro Castro Alves tem um apelo imenso para o estado da Bahia. Estamos dialogando com todos os parceiros e pretendemos envolver todos os segmentos, incluindo a sociedade. É um grande projeto, precisamos agir em conjunto. É fundamental parcerias como a do MinC”, destacou o secretário Albino Rubim.

No fim da reunião, em que estiveram presentes também a diretora da Fundação Cultural do Estado, Nehle Franke, o diretor do TCA, Moacyr Gramacho, a assessora do projeto, Fabiana Pimentel, e a diretora artística Rose Lima, ficou acertado o encaminhamento de uma proposta formulada pelo TCA contendo especificações como orçamento, cronograma, contrapartidas, plano de trabalho e prospecção e estratégias de captação do novo projeto, a ser apresentada e discutida pelos gestores do MinC envolvidos com a ação proposta.

Complexo cultural

O complexo Teatro Castro Alves atua com 270 colaboradores, além das equipes das empresas prestadoras de serviço. Desde a sua inauguração, em 1967, passou apenas por uma grande reforma, que ocorreu há quase 20 anos. Para adequar o prédio a novos usos e à tecnologia cênica atual, foram feitas consultorias e diagnósticos técnicos.

O resultado embasou a realização de um concurso público nacional de arquitetura para escolha do novo projeto arquitetônico. Além de atualizar as instalações já existentes, o projeto objetiva oferecer novos equipamentos e mais serviços culturais para a população. Clique aqui e saiba mais sobre o novo TCA.

Fonte: Ascom/Sefic/MinC)

Foto: Caroline Borralho