Médico diz que escutar Adele pode transformar você em gay

Fábio Rocha,
21/03/2014 | 12h03

Muito se discute sobre as diversas influências que podem ser as causas da homossexualidade, e, desta vez, até a música pop foi incluída na lista. Em um programa de TV um homem que se diz terapeuta aposentado afirmou que homens que querem “se manter heteros” devem parar de ouvir a cantora Adele.

A bobagem foi ouvida no documentário americano “Cure Me, I’m Gay” (Cure-me, eu sou gay em tradução para o português) do médico declarado homossexual Christian Jessen, apresentador no canal Channel 4.

O médico americano Jon Smid, do Texas, afirmou que é possível a cura para homossexuais e disse a Jenssen: “Adele é muito popular dentro da comunidade gay. Você tem que ouvir música cristã”.