Livro infantil conta historia de menina Trans

Comportamento, Social
22 de março de 2019
por Genilson Coutinho

O escritor paulista João Paulo Hergesel (vencedor do 14.º Prêmio Barco a Vapor, entre outros destaques literários) lançou este mês  2019, o livro infantil Meu maninho é uma menina. A produção é uma homenagem ao Dia Internacional da Visibilidade Trans, comemorado no dia 31 de janeiro . Com ilustrações de Marcela Nohama e projeto gráfico de Conrado Dittrich, a obra é uma contribuição às questões sociais e aos direitos humanos.

A versão digital pode ser conferida gratuitamente no Google Livros . Já os exemplares físicos podem ser adquiridos pelo preço de R$30,00, por meio da loja virtual da Editora Jogo de Palavras  .

Sinopse

A irmã mais nova de Tom percebe que seu maninho, já adolescente, parece não ser totalmente feliz com a forma como vive. Membro de uma família tradicional brasileira, a garota acompanha o processo de autodescoberta e aceitação do irmão, que confessa se identificar como Tina. De forma sutil e poética, a narrativa apresenta, em sua história e nas ilustrações que a acompanham, os obstáculos que muitos transgêneros precisam enfrentar para atingir seu bem-estar e viver livremente.

Dados técnicos

Título: Meu maninho é uma menina

Autor: João Paulo Hergesel

Ilustradora: Marcela Nohama

Designer: Conrado Dittrich

Formato: 18 x 25 | 32 páginas | Colorido

 

Sobre o autor

João Paulo Hergesel (Sorocaba, 25/07/1992) é doutorando em Comunicação (UAM), mestre em Comunicação e Cultura (Uniso) e licenciado em Letras (Uniso). Dedica-se à pesquisa na área de narrativas midiáticas, com enfoque nos estudos estilísticos, e à produção literária, sobretudo no segmento infantojuvenil. Já recebeu dezenas de prêmios literários, nacionais e internacionais, entre eles: Barco a Vapor (Fundação SM); Desafio dos Escritores (Câmara dos Deputados), Cancioneiro Poético (Instituto Piaget), Mapa Cultural Paulista (Secretaria da Cultura do Governo do Estado de São Paulo), Monteiro Lobato de Contos Infantis (SESC-DF) e Ganymedes José de Literatura Infantil e Juvenil (União Brasileira de Escritores). É membro correspondente da Academia de Letras de Teófilo Otoni (ALTO-MG), da Academia Cearense da Língua Portuguesa (ACLP-CE), da Academia Lavrense de Letras (ALL-MG), da Academia Olindense de Letras (AOL-PE), da Academia Cearense de Letras (ACL-CE) e da Academia de Letras de Campos do Jordão (ALCJ-SP). Mais informações: https://www.escritorjp.com.br/.