“Lesbo”: Curta narra histórias reais de mulheres lésbicas de Salvador; assista

Comportamento, Social
10 de janeiro de 2018
por Genilson Coutinho

Reprodução/Youtube

A psicóloga Raíssa Lé lançou, nesta terça-feira (9), em Salvador, o curta “Lesbo”, que é fruto do seu trabalho final no curso de extensão “Pensamento Lésbico Contemporâneo”, desenvolvido pelo Coletivo Lesbibahia, o Maria Quitéria – Núcleo de Estudos e Pesquisas e o Grupo de Estudos Feministas em Política e Educação (GIRA), da Universidade Federal da Bahia. De acordo com Raíssa, após o início do trabalho, o curta foi ampliando, com as histórias de mulheres lésbicas “falando de mulheres lésbicas”, que protagonizam os próprios relatos no curta. Durante o processo de construção, a ideia foi se ampliando com intuito de conseguir um alcance maior, por conta da necessidade de ouvirmos as vozes de mulheres lésbicas, pois são elas as protagonistas dessa história. O curta “Lesbos” foi construído por mulheres lésbicas para falar de mulheres lésbicas; que sejamos nós falando por nós, até porque “da nossa luta é a gente quem sabe”, revelou Raíssa .

Raissa Lé/ Foto Reprodução

Ainda sobre o “Lesbos, Raíssa conta:
“ O curta “Lesbos” é uma produção audiovisual que apresenta com sensibilidade e muita verdade, quatro histórias de mulheres lésbicas, que compartilharm suas vivências através da história oral e ocupando o protagonismo que nos roubam, nos invisibilizando e nos silenciando. Dessa vez, essas mulheres vão falar sobre a sexualidade que as atravessa e de que forma experienciam isso. Quatro histórias de luta pela possibilidade de existir, em uma cidade marcada pela preconceito sexual, racial e de gênero, quatro realidades de mulheres lésbicas dispostas a continuarem com os trabalhos de Grossi, Rich, Curiel, Wittig, Falquet, dentre outras precursoras da nossa luta. O curta finaliza dizendo: “tem que ser de nós para nós, levar essa luta para o nosso meio.” Celebra a psicóloga.