Lacração, palavras de ordem e muito kiu imperam na abertura da III conferência LGBT do estado da Bahia

Notícias
13 de março de 2016
por Genilson Coutinho

Por Diego Ramon

Com atraso de mais de uma hora, a mesa de abertura da III Conferência LGBT do Estado da Bahia no Hotel Sol Marina Vitória, localizado no Corredor da Vitória, foi pura fechação na nesta sexta-feira (13) . O evento seguirá até domingo (13). A abertura contou com a participação do Cabaré Drag king, de transformistas e outras personalidades do mundo performático da cena LGBT de Salvador. A lacração foi certa e proporcionou muita quebra de protocolo. Mesmo com uma abertura nada convencional houve espaço para todos se pronunciarem: representantes dos movimentos sociais organizados, integrantes de setores da União e de autoridades governamentais do Estado. Palavras de ordem foram proferidas tanto pelos ouvintes como pelos componentes da mesa em apoio ao governo Dilma e em defesa as conquistas que nós (LGBT) já temos e aqueles que lutamos para ter.

Portanto a III Conferência Estadual LGBT vislumbra e acredita em uma sociedade com “Zero Violência Contra LGBT¨- construindo uma Bahia que respeite a diversidade sexual e de gênero”, mandando um ¨KIU¨ para todos que compõem este mundo tão plural.

Diego Ramon é graduado em Ciências Sociais, especialista em Antropologia e docente da rede pública do estado.

Galeria de fotos

 

.

  • roberto silva santos Santos

    Ótimo registro! é preciso participar dos espaços de poder e representatividade criados pelo estado democrático. A vida política também deve ser prioridade da visibilidade LGBTT. Parabéns ao en-VIADO do site … Pelo texto e pelas considerações sociopolíticas do evento.