Juiz Pastor de Goiania continua anulando uniões estáveis Gays e afrontando o STF:

Sem categoria
1 de julho de 2011
por Genilson Coutinho

 

Mais uma união estável entre pessoas do mesmo sexo foi anulada ontem pelo juiz da 1ª Vara da Fazenda Pública Municipal de Goiânia, Jeronymo Pedro Villas Boas. Dessa vez, o documento foi lavrado no 1º Registro Civil e Tabelionato de Notas por casal que vive junto há 22 anos.

Jeronymo, que será o entrevistado da semana no Face a Face, do POPULAR, espaço interativo do jornal no Facebook, cuja entrevista será publicada na edição de amanhã, afirmou que o casal gay não pode pedir proteção do Estado na condição de instituição familiar. Para o juiz, pessoas do mesmo sexo não formam família por dois motivos: por não terem capacidade de gerar prole e a Constituição Federal não permitir. Ele citou, em favor do seu ponto de vista, o artigo 16 da CF que define família como núcleo formado por homem e mulher, considerado a unidade básica da sociedade

Fonte: Veja