Jovem de 19 anos é morto com tiro após sair da 11ª Parada LGBT de Belém

Sem categoria
3 de outubro de 2012
por Genilson Coutinho


A 11ª Parada do Orgulho LGBT de Belém, realizada no último fim de semana, terminou com a morte do jovem Raryson Williams Paixão da Silva, 19 anos. Segundo a polícia, ele foi assassinado a caminho do município de Ananindeua, no conjunto Cidade Nova VIII. A vítima estava em companhia de um amigo identificado como André, que é cabeleireiro e principal suspeito do crime.

Raryson foi assassinado com um tiro na madrugada de segunda-feira, 1 de outubro, e ainda está sendo investigado se ele foi executado pelo próprio amigo, já que ele fugiu do local, ou se foi acertado por engano, em um tiro destinado a André, que já havia sofrido um atentado parecido há algum tempo.

“O que a gente sabe é que eles tinham saído da Parada Gay e estavam a caminho da casa do André, de motocicleta”, conta Raquel Paixão, irmã de Raryson. “De início foi repassado que o tiro era para acertar André, pois ele tinha envolvimento com pessoas erradas, mas o que nos intrigou é que ele (André) fugiu e até agora nós não temos notícias, sem falar que o tiro que acertou o meu irmão foi à queima-roupa”, completou.

A Polícia Civil da Seccional da Cidade Nova já está investigando o caso e está em busca de imagens de sistema de segurança de estabelecimentos comerciais localizados nas proximidades do crime. André continua sendo procurado pela polícia.